Órfão de 14 anos mora nas ruas de São Luís e procura contato com parentes de Teresina

Ele estava deitado em um banco tendo como travesseiro um saco com algumas peças de roupa velhas.

Image title

A postagem de um militar do corpo de bombeiros de São Luís nas redes sociais tem chamado atenção de várias pessoas e já teve mais de 15 mil compartilhamentos. Ele relata a história de um garoto natural de Teresina que vive pelas ruas da capital do Maranhão. A intenção é localizar parentes do garoto que residem em Teresina. 

Nesta segunda-feira (27), o menino de 14 anos, Diogo Guilherme Pinho, natural de Teresina, foi encontrado no bairro Anjo da Guarda, em São Luís, Maranhão. Ele estava deitado em um banco tendo como travesseiro um saco com algumas peças de roupa velhas.

Explicando o motivo de sua situação, o adolescente disse que seu pai foi assassinado e que sua mãe está presa no complexo penitenciário de Pedrinhas, também no Maranhão, por envolvimento com drogas. Diogo disse ainda que estava em um abrigo no bairro Vinhais, mas tinha saído de lá após uma briga com outro interno, que tentou lhe agredir com uma arma branca. A confusão aconteceu por comida e resultou em profundo corte em um dos dedos de Diogo.

O adolescente tem parentes na Vila da Paz,  em Teresina, seus tios Maria Gorete Freire Rocha e Abidiel Nascimento Pinho, e afirma que eles não sabem de sua real situação. Ele vive nas ruas de São Luís.

Ainda não se sabe a veracidade dessa história que circula nas redes sociais, o que se sabe é que o garoto mostrou interesse em entrar em contato com seus parentes em Teresina.

Image title


Fonte: Meionorte.com