Padre morre na frente dos fiéis durante missa no Espírito Santo

Carlos de Assis Viana, de 37 anos, celebrava missa de Ramos

Um padre morreu na frente dos fiéis durante a missa de Ramos no bairro Porto de Santana, em Cariacica, na Grande Vitória, no Espírito Santo, neste domingo (29). Assustados, os fiéis tentaram reanimar o padre Carlos de Assis Viana, de 37 anos, e chamaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas ao chegar o resgate Carlos de Assis já havia morrido. A Arquidiocese de Vitória informou que a suspeita é de que o padre tenha sofrido um ataque cardíaco.


Ordenado em 2011, o padre era pároco na Paróquia São Francisco de Assis, em Porto de Santana.

Ao saber da morte do amigo, o padre Kelder Brandão, que trabalhou por mais de um ano com Carlos de Assis, disse que ele era muito humilde. “Padre Carlos era a humildade encarnada. Foi professor da rede pública, um pessoa muito simples. Exercia o ministério com muito zelo. Foi muito agradável conviver com ele”, disse Kelder.

Segundo padre Kelder, durante o tempo que trabalharam juntos, Carlos não apresentava nenhum problema de saúde. “Recebi um telefonema de um seminarista dando a notícia, e fiquei atônito. Ele não tinha nenhum indicativo de doença. Foi um susto para todos, um infarto fulminante”.

Natural de Minas Gerais, padre Carlos atuava há cerca de três anos em Porto de Santana. "O povo de lá tem muito carinho por ele. Estão todos em choque”, completou Kelder.

Arquidiocese de Vitória disse que assim que o corpo for liberado, o velório será realizado na paróquia.

 

Fonte: G1