Palestra sobre câncer de mama marca o Outubro Rosa em Teresina

A data é celebrada anualmente.

O câncer de mama é o tipo que mais cresce todos os anos e atinge milhares de pessoas no mundo. Atualmente, é o câncer com maior incidência no sexo feminino. Num esforço de alertar a sociedade sobre o problema, foi criada a campanha Outubro Rosa, que foi lembrada hoje (27) em atividade na Unidade Básica de Saúde Felipe Eulálio, bairro Promorar, zona Sul da cidade.

Como parte da programação, foi organizado um sorteio de brindes, um lanche e uma palestra sobre o tema, em parceria com alunos e professores da Faculdade Santo Agostinho, que desenvolve trabalhos na UBS. Os médicos das equipes Estratégia Saúde da Família (ESF) também estiveram dando orientações sobre o tema.

Cíntia Almeida, enfermeira oncologista e professora supervisora de estágios, proferiu uma palestra. Ela falou sobre câncer de mama em seus diversos aspectos, como prevenção e convivência com a doença, além de tirar dúvidas dos usuários e trazer relatos e histórias de vida. Segundo ela, a principal forma de evitar a doença é a prevenção, com a realização de exames periódicos a partir dos 50 anos de idade e a atenção ao próprio corpo, uma vez que o câncer de mama é totalmente curável quando descoberto em seus primeiros estágios.

“Não dá para apontar uma causa principal para o câncer de mama, pois podem ser diversos fatores, como genética, alterações hormonais e maus hábitos de vida”, explicou a enfermeira. Ela conta que uma alimentação saudável e prática de atividades físicas pode reduzir em até 28% a incidência da doença, por exemplo. “A Unidade Básica de Saúde, como porta de entrada para o serviço público, deve trabalhar principalmente na promoção de saúde e prevenção de doenças”, afirmou.

A comunidade foi convidada a participar e foi toda vestida com roupas cor de rosa, de acordo com a temática da campanha. “Achei a palestra muito explicativa, porque as pessoas não conhecem o próprio corpo”, disse Maria da Cruz Campelo, usuária da UBS. “Eu me identifiquei com algumas coisas e já fiz exames algumas vezes. Graças a deus não deu nada, mas estou sempre me prevenindo”, completou a dona de casa de 55 anos.

O Outubro Rosa é uma campanha que existe desde os anos 90 para estimular as pessoas a realizar um controle sobre a doença. A data é celebrada anualmente com o objetivo de compartilhar informações sobre o câncer de mama e promover a conscientização sobre a importância da detecção precoce da doença.



Image title

Image title

Fonte: Assessoria