Pescador acha restos mortais dentro de saco plástico

Apesar de ter feito a denuncia, o homem que achou a ossada não esperou os militares no local

Um pescador encontrou em uma lagoa, na noite de domingo, em Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte, restos mortais dentro de um saco plástico. Segundo a Polícia Militar, dentro da sacola tinha um crânio, um fêmur, uma arcada dentária, uma costela, uma foto de mulher, um prato, uma vela queimada e dinheiro.

Apesar de ter feito a denuncia, o homem que achou a ossada não esperou os militares no local. Ainda não foi confirmado se os restos mortais são de um homem, de uma mulher ou de um animal. Somente um exame feito pelo médico legista será possível confirmar. Porém, os peritos confirmaram que tudo indica ser uma ossada humana.

Sobre os materiais encontrados dentro do saco plástico, a suspeita da PM é que seja um ritual de magia negra. Todos os materiais foram encaminhados para a Polícia Civil, na sessão de antropologia, que assumirá o caso.

Agora será feito um exame de DNA e através dele buscar no banco de dados às pessoas desaparecidas na região.

Fonte: Terra