Pesquisa deve confirmar maior cajueiro do mundo no Piauí

Flávio Nogueira, designou o vereador de Parnaíba,

As discussões que envolvem os estados do Piauí e Rio Grande do Norte, em torno do maior cajueiro do mundo, podem estar perto do fim. Isto porque a cidade de Cajueiro da Praia, no litoral piauiense, deve mesmo receber o título de dona do "cajueiro-rei". A árvore existente no município tem uma área total de 8.810 metros quadrados de extensão.

Visando reconhecer o recorde de uma vez por todas, a Secretaria de Estado do Turismo encabeçou a luta em prol do cajueiro existente no Piauí. Esta semana, a SETUR participou de reunião na Universidade Estadual do Piauí (UESPI) em Parnaíba, a fim de tratar do tema. Por meio do curso de Engenharia Agronômica, o cajueiro receberá agora uma série de estudos.

O secretário de Turismo, Flávio Nogueira, designou o vereador de Parnaíba, André Neves, como seu representante direto para o reconhecimento do "cajueiro-rei". A diretora da UESPI, Rosineide Candeira, os professores Fernando Araújo, Valdinar Bezerra e Frank da Costa, além da prefeita de Cajueiro da Praia, Vânia Ribeiro, também estão envolvidos no processo.

"Precisamos ressaltar a participação dos alunos de agronomia nas pesquisas para comprovação de que nosso cajueiro é de fato o maior do mundo. Este tema é sem dúvida da maior importância, sobretudo para fomentar o turismo no litoral do Piauí, servindo como base para investimentos futuros que serão feitos pela SETUR", disse o vereador André Neves.

Uma primeira visita técnica já foi realizada logo após a reunião. O grande objetivo agora é comprovar, através de medições, que a planta encravada em solo piauiense é originária de apenas uma matriz. "Os agrônomos e estudantes da UESPI estão confiantes que esta confirmação deve sair, após um amplo trabalho de pesquisa", finalizou André Neves.

Fonte: Jornal Meio Norte