Piauí destaca-se positivamente na Segurança, aponta ranking

O ranking da competitividade leva em consideração 10 pilares

Dados do Ranking da Competitividade, elaborado pelo Centro de Liderança Pública (CLP), apontam que a Segurança Pública do estado do Piauí se destacou nos critérios de segurança pessoal, segurança patrimonial e mortes a esclarecer.

Na Segurança Pessoal, o Piauí ocupa a 6ª posição com a nota de 78,4. No quesito Segurança Patrimonial, estado teve nota de 62,5, tendo entre os estados brasileiros, o 11º melhor desempenho. E entre as mortes a esclarecer, a nota ficou de 91,4, o que significa a 8ª menor taxa do Brasil.

Segundo o coordenador do Núcleo de Estatísticas da SSP, delegado João Marcelo Brasileiro, a pesquisa leva em consideração os dados repassados pelas Secretarias de Segurança Pública do Brasil ao Fórum Brasileiro de Segurança e aquelas pesquisas coletadas diretamente pelo Ministério da Saúde, no caso, da segurança no trânsito. “Esses dados são coletados diretamente dos sistemas da Secretaria de Segurança e tratados pelo Nuceac. É uma atividade complexa que consiste numa rigorosa análise técnica dos dados coletados das diversas fonte utilizadas, garantindo um diagnostico preciso da criminalidade”, falou.

De acordo com o secretário de Segurança do Piauí, Fábio Abreu, o resultado reflete o trabalho de integração que vem sendo adotado desde o inicio da gestão e o apoio do governador Wellington Dias. “É o resultado da política de integração coordenada pela Secretaria de Segurança e consiste em uma estratégia de atuação conjunta das Polícias Civil, Militar e Corpo de Bombeiros. Aliado ao comprometimento da nossa gestão com a construção de indicadores de criminalidade de qualidade, garantindo a transparência, bem como o monitoramento e avaliação de nossas ações”, disse.

O ranking da competitividade leva em consideração 10 pilares, cada um deles é formado por um conjunto de indicadores que apontam o crescimento dos estados nas áreas prioritárias.

Fonte: Com informações do Portal do Governo