Piauí terá 81 estações agrometeorológicas

O anúncio foi feito pelo diretor-geral do Emater, Marcos Oliveira

Um acordo de cooperação técnica celebrado entre o Emater-PI,  o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais e o Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação , prevê a instalação de 81 estações agrometeorológicas no Piauí.  O anúncio foi feito pelo diretor-geral do Emater, Marcos Oliveira, em audiência com o governador Wellington Dias.

Image title

A estação possibilita a obtenção  de dados ambientais (pluviométricos, hidrológicos, geotécnicos ou outros), disponíveis em tempo real, além do compartilhamento de informações, com o objetivo de propiciar ações de monitoramento e alerta de desastres naturais em áreas de risco, contribuindo para ações preventivas das defesas civis e, consequentemente, minimizar o números de vítimas e danos materiais decorrentes de desastres naturais.

Marcos Oliveira destacou a grande utilidade da ferramenta para os agricultores. “Com a estação vamos monitorar as chuvas e medir o nível de umidade no solo. Isso ajudará a programar o momento certo do plantio e as culturas adequadas a cada área” explicou.

Nas estações serão instaladas plataformas de coleta de dados ambientais – PCD’s, munidas de pluviômetro automático, estação hidrológica, sensores de umidade e outros instrumentos geotécnicos. Os equipamentos possuem placa fotovoltaica que capta energia solar, dispensando energia elétrica. Os dados captados serão enviados por sinal de celular, havendo a necessidade de cobertura de operadora no local. Os locais de instalação das estações agrometeorológicas ainda serão definidos.

“Autorizamos a implementação de tudo o que for necessário para termos essa tecnologia no Piauí, que será de grande serventia não só para os agricultores, mas para o próprio estado quanto ao monitoramento de desastres” assinalou o governador Wellington Dias.

Fonte: Ascom