Piauí terá R$ 500 milhões para investimentos em habitação

As unidades disponíveis abarcarão todas as faixas de preços

O Lançamento do I Feirão de Imóveis do Servidor movimentou o Palácio de Karnak na sexta-feira, 05 de agosto, com os benefícios angariados pelos servidores de todos os Poderes e advogados da OAB na aquisição da casa própria, o vice-presidente de Habitação da Caixa Econômica Federal, Nelson Souza, indicou que não faltarão recursos para o investimento em moradias no Piauí, segundo ele, apenas no segundo semestre são R$ 500 milhões disponíveis; um valor que dá segurança na condução de projetos do Governo Federal e Estadual. “As famílias sempre estão buscando um sonho e o melhor disso é que a Caixa tem garantido para o Estado do Piauí apenas para o segundo semestre R$ 500 milhões para o setor da habitação, não faltarão recursos, eu acho que isso é uma grande garantia para o setor. Esses recursos estão disponíveis e se precisar de mais recursos nós teremos”, impôs.

Segundo o vice-presidente de Habitação o Feirão de Imóveis do Servidor alavanca a economia local e o setor habitacional, contribuindo na geração de emprego e renda. “ Primeiro esse convênio assinado hoje, eu diria que é um convênio que reflete não formal naquele modelo tradicional de PPP, mas ele foi estruturado financeiramente de uma maneira que a iniciativa privada contribui, e também a iniciativa pública, em benefício dos servidores públicos do Estado, que não fica apenas no Executivo, ampliou para o Legislativo, Judiciário, e vem mais outro, que é o privado, que é a OAB”, explicou.

Segundo o líder da Caixa Econômica, as unidades disponíveis no Feirão do Servidor abarcarão todas as faixas de preço. “ Todas as faixas de preço, nesse feirão o interessante é que o servidor que ganha o salário menor terá imóvel para ele, assim como terá de alta renda, e podem ser imóveis novos ou usados. Esse feirão é inédito no Brasil, o primeiro com todos esses atores envolvidos. O produto final de todas essas vendas terá uma contribuição para o Fundo de Previdência do servidor”, complementou.


Repórter: Francy Teixeira

Fonte: Portal MN