Barragem rompe e deixa um piauiense desaparecido; veja

Kano informou que a área levou cerca de meia hora para ser inundada

O Corpo de Bombeiros do Amapá informou que por volta de 2h do último sábado (29/03) houve o rompimento de uma braçadeira da construção da barragem secundária da Hidrelétrica de Santo Antônio, no município de Laranjal do Jari, a 265 quilômetros de Macapá. Ainda de acordo com os bombeiros, quatro pessoas que trabalhavam no local na hora do acidente foram levadas pelas águas. Na segunda-feira (31), o corpo de Tancredo Coelho de Souza, natural de Buriti Bravo (MA), foi encontrado. A vítima trabalhava como soldador na construção do empreendimento e tinha 29 anos

Um dos operários que continua desaparecido é Uverlando de Souza Lima, natural da cidade de Água Branca-PI, os outros são dos estados do Maranhão e Pará. Nelson Kano, assessor de relações institucionais da ECE, disse que as famílias dos trabalhadores foram contatadas e que a empresa ofereceu suporte para que venham ao Amapá acompanhar as buscas.

Kano informou que a área levou cerca de meia hora para ser inundada e que no instante do rompimento da estrutura um sinal de alerta foi emitido pela empresa. A braçadeira rompida sustentava a barragem secundária feita de aterro.

O governo do Amapá informou que seis mergulhadores estão no local, fazendo buscas na área com profundidade de 30 metros. Os serviços se concentram no entorno de onde ocorreu o acidente, a 50 quilômetros da sede do município. Para chegar até o local é necessário navegar no rio Jari por uma hora.

LISTA DOS DESAPARECIDOS

Uverlando de Souza Lima - Natura de Água Branca-PI

Altenizio Tavares Cardoso

Antônio Marques Filho

Outros três funcionários da empresa Cesbe S.A. Engenharia e Empreendimentos, que compõe o consórcio da obra, continuam desaparecidos. As buscas reiniciaram na manhã da última terça-feira, 1º.





Fonte: Amapadigital