Piauienses avaliam positivamente a Segurança do Piauí

Um aumento de 21,2% em relação ao mês de fevereiro do ano passado

Mais da metade da população avalia de forma positiva a segurança do Piauí. A constatação está na pesquisa que mostrou que 56,38% dos piauienses consideram a segurança regular, boa ou ótima. Um aumento de 21,2% em relação ao mês de fevereiro do ano passado, quando foi registrado 35,18%, segundo o Instituto Amostragem.

“Esses números refletem o reconhecimento das nossas ações no sistema segurança. Estamos nos empenhando no combate à criminalidade com operações e um trabalho integrado entre as policiais Civil e Militar”, explicou o secretário de Segurança Fábio Abreu. Ele acrescenta que o trabalho de prevenção através de ações sociais e reuniões com a comunidade têm sido fundamental para o bom desempenho das ações da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP).

A SSP ampliou, reformou e construiu novas delegacias no interior do estado. Os investimentos, que iniciaram no ano de 2015, foram revertidos em novas estruturas físicas, armamentos, móveis, equipamentos e viaturas.

Em Picos, está fase de conclusão a obra de reforma e ampliação da Central de Flagrantes, além da aquisição de equipamentos e mobiliário. O local servirá de sede para a Delegacia Regional, 1º, 2º e 3º DPs e Delegacia da Mulher.  A nova estrutura irá beneficiar servidores e aproximadamente 158 mil pessoas dos 15 municípios que compõem a região. Além da cidade de Picos, a secretaria segue para mais uma nova etapa de reformas, os municípios de Canto do Buriti, Jatobá do Piauí, Nazária, Castelo do Piauí, Gilbués, Sebastião Barros e São José dos Peixes irão receber melhorias nos seus distritos.

Nos próximos meses, o Piauí ganhará mais duas bases de monitoramento eletrônico. “Temos resultados positivos nos dois centros em funcionamento na capital, uma no parque Lagoas do Norte e a outra na Vila Jerusalém, mas o nosso objetivo é ampliar esse serviço para os demais municipios piauienses”, disse.

O levantamento dos dados ocorreu em 47 municípios, com 1.137 pessoas, no período de 28 de abril a 1º de maio deste ano. A pesquisa tem nível de confiança de 95% e a amostragem permite uma margem de erro de até 2,85% para mais ou para menos.

Fonte: Com informações do Portal do Governo