Piloto ligou para noiva pouco antes de sofrer acidente aéreo

Piloto ligou para noiva pouco antes de sofrer acidente aéreo

Corpo de Arthur Panseira Demétrio, 22 anos, será sepultado nesta quinta-feira, em Tubarão, SC

Na mesma manhã em que sofreu o acidente fatal na queda do avião que pilotava, o instrutor de vôo Arthur Panseira Demétrio, 22 anos, falou com a noiva por telefone pela última vez. O acidente aconteceu na manhã desta quarta-feira, dia 29, em Cachoeira do Sul (RS), mesma cidade onde Arthur pediu Thays Pereira da Cruz em casamento, durante um vôo, em 14 de dezembro passado.

Thays foi a primeira pessoa a saber do acidente. Uma aluna do curso de piloto mandou uma mensagem no Facebook pedindo que ela entrasse em contato urgente.

? Está impossível de suportar. Estamos todos em choque. Minha filha não consegue falar ? contou Sandra Pereira, mãe de Thays.

Sandra e Thays estão na casa dos pais de Arthur, em Tubarão. As famílias ficaram amigas desde que o casal começou a namorar, há três anos. A amizade entre os dois começou há cerca de um ano antes do namoro. Arthur visitava amigos em Braço do Norte, cidade onde mora a família de Thays.

Os noivos nasceram em Tubarão. Thays é auxiliar de professora numa escola particular e cursa Pedagogia. A mãe diz que ela quer ser psicopedagoga.

? Ele era muito querido, amável, brincalhão. Tinha muito carinho pela família, pelos amigos. Arthur era um genro espetacular, que todos queriam ter ? disse a sogra.

De acordo com Sandra, Arthur estava "eufórico" para fazer o curso de piloto agrícola. Ela contou que ele adorava aventura, foi piloto de motocross, e que voar era sua paixão. Tanto que pediu Thays em casamento durante um vôo. Ele contou com a ajuda de um grupo formado por seus pais, um irmão e três amigos para preparar a surpresa.

Eles produziram duas faixas enormes. Numa estava escrito "Thays". Na outra, "casa comigo". O grupo foi para a pista da empresa onde Arthur trabalhava, a Aero Agrícola Santos Dumont, especializada na formação de pilotos agrícolas.

Dois integrantes ergueram as faixas na hora que o avião com o casal sobrevoou a pista. O pedido contou com troca de alianças no ar. Tudo foi filmado e postado há dois dias no Youtube.

Amor interrompido 29/1/2014 | 20h18

Piloto ligou para noiva pouco antes de sofrer acidente aéreo no RS

Corpo de Arthur Panseira Demétrio, 22 anos, será sepultado nesta quinta-feira, em Tubarão, SC

Enviar para um amigo

Comentar3

Corrigir

Imprimir

Diminuir fonteAumentar fonte

Piloto ligou para noiva pouco antes de sofrer acidente aéreo no RS Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal

Piloto pede namorada em casamento durante vôo com troca de alianças, em dezembro de 2013 Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Gabriela Rovai

[email protected]

Na mesma manhã em que sofreu o acidente fatal na queda do avião que pilotava, o instrutor de vôo Arthur Panseira Demétrio, 22 anos, falou com a noiva por telefone pela última vez. O acidente aconteceu na manhã desta quarta-feira, dia 29, em Cachoeira do Sul (RS), mesma cidade onde Arthur pediu Thays Pereira da Cruz em casamento, durante um vôo, em 14 de dezembro passado.

Leia mais:

>>> Catarinense que pediu noiva em casamento num avião morre em acidente aéreo 43 dias depois

>>> Divulgados os nomes das vítimas de acidente com avião em Cachoeira do Sul

>>> Aluno e professor de pilotagem morrem em queda de avião no RS

Thays foi a primeira pessoa a saber do acidente. Uma aluna do curso de piloto mandou uma mensagem no Facebook pedindo que ela entrasse em contato urgente.

? Está impossível de suportar. Estamos todos em choque. Minha filha não consegue falar ? contou Sandra Pereira, mãe de Thays.

Sandra e Thays estão na casa dos pais de Arthur, em Tubarão. As famílias ficaram amigas desde que o casal começou a namorar, há três anos. A amizade entre os dois começou há cerca de um ano antes do namoro. Arthur visitava amigos em Braço do Norte, cidade onde mora a família de Thays.

Os noivos nasceram em Tubarão. Thays é auxiliar de professora numa escola particular e cursa Pedagogia. A mãe diz que ela quer ser psicopedagoga.

? Ele era muito querido, amável, brincalhão. Tinha muito carinho pela família, pelos amigos. Arthur era um genro espetacular, que todos queriam ter ? disse a sogra.

De acordo com Sandra, Arthur estava "eufórico" para fazer o curso de piloto agrícola. Ela contou que ele adorava aventura, foi piloto de motocross, e que voar era sua paixão. Tanto que pediu Thays em casamento durante um vôo. Ele contou com a ajuda de um grupo formado por seus pais, um irmão e três amigos para preparar a surpresa.

Eles produziram duas faixas enormes. Numa estava escrito "Thays". Na outra, "casa comigo". O grupo foi para a pista da empresa onde Arthur trabalhava, a Aero Agrícola Santos Dumont, especializada na formação de pilotos agrícolas.

Dois integrantes ergueram as faixas na hora que o avião com o casal sobrevoou a pista. O pedido contou com troca de alianças no ar. Tudo foi filmado e postado há dois dias no Youtube.

O corpo de Arthur deverá ser liberado nesta quarta, por volta das 21h, no Rio Grande do Sul, e está previsto para chegar de madrugada em Santa Catarina.

O velório está marcado para esta quinta-feira de manhã, na Funerária Santa Rita, ao lado da Catedral, em Tubarão. O sepultamento será à tarde, no Cemitério Horto da Saudade, no Bairro Monte Castelo, na mesma cidade. O horário ainda não está definido. Conforme familiares deverá ser no final da tarde.

O aluno Darlan Kabata dos Santos, 31 anos, também não resistiu ao acidente. O avião, um Cessna 140, caiu numa lavoura de soja, a cerca de dois quilômetros da pista. A aeronave teria apresentado uma falha e caído de bico no chão.

Fonte: Diário Catarinense