Acusado de assassinar piauiense é preso no Ceará quando ia para a Igreja

As investigações duraram seis meses por meio de informações anônimas que apontavam para o acusado,

Um homem, identificado por Adão de Sousa Silva, foi preso na noite da última quarta-feira, 17, no município de Valença, sob a acusação de prática de homicídio contra uma mulher de 53 anos, conhecida por Adilça Gomes, em abril de 2014.

A prisão foi feita por meio de uma ação da Polícia Civil e do Núcleo de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública. A operação envolveu policiais civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Fortaleza-CE. 

As investigações duraram seis meses por meio de informações anônimas que apontavam para o acusado, que estava residindo em Maracanaú-CE, onde foi preso pelos policiais quando ia a uma Igreja. Com ele foi apreendida uma pistola 635, que supostamente foi reconhecida com a arma do crime.

Adão de Sousa Silva será recambiado para Valença e colocado à disposição da Justiça Criminal local. Segundo o delegado, ocaso será mais esclarecido em entrevista coletiva, que será concedida por ele.


 

Clique aqui e curta a página do meionorte.com no Facebook

Fonte: Com informações do site Valença Online