Acusado de pedofilia constrói casa ao lado de escola na periferia para que possa atrair crianças pagando 8 reais por hora

O homem fugiu da Grã-Bretanha depois de ser exposto como um defensor da pedofilia em 1975

Um pedófilo britânico construiu uma casa nas Filipinas, que tem vista para uma escola primária, para que ele possa abusar de crianças por 8 reais a hora.

Douglas Slade, de 73 anos – que fez campanha para novas leis contra abuso de crianças na década de 1970, foi preso diversas vezes por tirar fotos de crianças nuas e abusos contra menores.

Ele está em liberdade sob fiança por diversos casos envolvendo alunos da Amsic Elementary School, em Angeles City, mas os vizinhos afirmam que ele continua a acenando para alunos irem até sua casa.

Quando estão lá dentro, o homem lhes paga o equivalente a 8 reais por hora para terem relação íntima e fotos capturadas. Slade enriqueceu com uma empresa do setor alimentício, que ele montou depois de se mudar para as Filipinas em 1985. Sua casa, com vista para uma escola para crianças de 8 a 12 anos, foi construída em um bairro pobre, repleto de menores de idade.

O homem fugiu da Grã-Bretanha depois de ser exposto como um defensor da pedofilia em 1975 e ser pego por um jornal dizendo: “Se você quer sexo com crianças, não as agarre – apenas faça.” Slade já foi acusado por diversos casos de pedofilia, e está atualmente em liberdade sob fiança por abuso de crianças, além de se encontrar sob investigação por posse de imagens íntimas com menores, segundo informações da polícia.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Gadoo