Casa é incendiada e bebê morre carbonizado em Minas Gerais

Mãe foi presa e enquadrada no crime de abandono de incapaz

Um bebê morreu carbonizado dentro de uma casa após um incêndio na cidade de Jacinto, no Vale do Jequitinhonha. A criança estava em casa apenas com o irmão de 14 anos, que conseguiu fugir a tempo. De acordo com a Polícia Militar, a mãe dos garotos, Santa Maria de Jesus, de 38 anos, saiu na noite de terça-feira e deixou os dois sozinhos em casa. 

Os vizinhos perceberam o fogo e acionaram socorro. Os militares compareceram ao local e, junto com populares, tentaram apagar as chamas. Quando o incêndio foi controlado o corpo do bebê foi encontrado carbonizado.

Casa é incendiada e bebê morre carbonizado em Minas Gerais (Crédito: Reprodução)
Casa é incendiada e bebê morre carbonizado em Minas Gerais (Crédito: Reprodução)


O adolescente de 14 anos foi localizado na casa de familiares e ainda será ouvido pela Polícia Civil, que investiga o caso. O laudo do Instituo Médio-Legal (IML) aponta que a morte do bebê foi causada por queimaduras de terceiro grau, em quase 90% do corpo. De acordo com a polícia, o delegado responsável pelo caso aguarda laudo da perícia que pode esclarecer as causas do incêndio.

A Polícia Civil informou que Santa Maria foi presa em flagrante e encaminhada para o Presídio de Jacinto. Ela foi enquadrada no crime de abandono de incapaz, qualificado pela morte da criança. O Código Penal prevê para esse crime pena de 4 a 12 anos de prisão.

Fonte: Com informações do EM