Jovem é morto com golpes de punhal na saída de colégio que estudava

O jovem ja vinha sendo ameaçado por um mesmo aluno da escola.

A noite foi de terror na cidade de Parnaíba. A primeira ocorrência foi registrada por volta das 21h30, quando um homem identificado como Denis Alan Nunes do Nascimento, de 23 anos, foi alvejado com três tiros no Conjunto Colina do Alvorada 1.

De acordo com informações da Polícia Militar, dois homens em uma motocicleta realizaram quatro disparos, sendo que três deles atingiram a vítima. O rapaz foi levado em estado gravíssimo para o pronto socorro do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, por uma ambulância do SAMU.  

No momento em que Denis era encaminhado ao HEDA, uma briga entre alunos do Colégio Estadual João Silva, no bairro Piauí, resultou na morte de um jovem identificado como Jerre Junior de Sousa Silva, de 18 anos. Segundo testemunhas, Jerre foi morto por um outro aluno identificado como Kywandre Alves Cardoso, de 17 anos.

O acusado, que cursava o 1º ano do ensino médio, teria ameaçado Jerre de morte. De acordo com informações, a vítima cursava o 2º ano na mesma sala da namorada do assassino. No final da aula, os dois protagonizaram uma briga na esquina do colégio e Kywandre teria sido derrubado ao levado um soco. Assim que levantou, já com um punhal em mãos desferiu vários golpes contra o jovem, sendo três deles acima do peito.

Amigos relataram que a vítima era pacata e que estava sendo provocado pelo acusado. “A gente estava encostado na parede conversando aí ele passou batendo no ombro do Jerre dizendo que ia furar ele”, disse.

Após ser golpeada, a vítima ainda tentou retornar ao colégio para pedir ajuda, mas caiu em frente ao portão principal. Profissionais do SAMU tentaram reanimar o jovem por mais de meia hora, mas devido a gravidade dos ferimentos ele foi declarado morto em frente a escola onde estudava. Familiares e amigos permaneciam inconformados com a brutalidade do crime.


Fonte: Com informações da Tribuna de Parnaíba