Jovem grávida é encontrada morta e com o útero arracando

A jovem teria acusado o padrastro de tê-la estuprado

A jovem Holli Jeffcoat, 18 anos, que estava grávida foi encontrada morta com o seu útero arrancado após de aparentemente ter acusado o seu padrasto James Holland, 39 anos, de tê-la estuprado.

James Holland foi acusado de estuprar a enteada por um período de 10 anos e a mãe da jovem, Debi Hollanda, é acusada de ajudar o marido a cometer o abuso e encobri-lo.

Holli estudava em uma escola do condado de Lubbock, Texas (EUA) e contou para funcionários de lá que estava grávida carregando um filho de seu próprio padastro.

A mãe da garota teria evitado fazer exames médicos na filha que evidenciariam que ela estava sendo estuprada. Debi negou ter conhecimento do que possivelmente estaria acontecendo.

Suspeitas de abuso sexual foram levantadas na sequência de um acidente de carro em 2008 que Holli estava envolvida. Uma amostra de sangue da adolescente mostrou que ela tinha uma doença sexualmente transmissível, mesmo tendo apenas 8 anos de idade na ocasião.

Holli tinha idade mental de uma criança de seis ou sete anos no momento de sua morte. Os investigadores disseram que ela não poderia ter consentido as relações sexuais.


A jovem estava grávida e foi encontrada morta e com o útero arrancado
A jovem estava grávida e foi encontrada morta e com o útero arrancado
James Holland, padrasto da vítima
James Holland, padrasto da vítima
Mãe da vítima
Mãe da vítima


Fonte: Gadoo