Ponte Estaiada recebe iluminação amarela em campanha pela redução de acidentes

De acordo com Jeovanna Moura, diretora da Escola Piauiense de Trânsito (EPT) do Detran-PI, a programação foi pensada para atingir todos os públicos.

Durante todo o mês de maio a Ponte Estaiada João Isidoro França, em Teresina, ficará iluminada de amarelo, cor símbolo do Movimento Maio Amarelo – Atenção Pela Vida, em favor da redução de acidentes de trânsito. A solicitação para a iluminação diferenciada partiu do Departamento Estadual de Trânsito do Piauí (Detran-PI) com o intuito de sensibilizar e conscientizar sobre o papel de todos na promoção de um trânsito mais seguro e humano.

Como parte da campanha, serão realizadas blitzen educativas com distribuição de material com dicas de segurança e orientação aos condutores, palestras em escolas públicas, passeio ciclístico, dentre outras atividades. De acordo com Jeovanna Moura, diretora da Escola Piauiense de Trânsito (EPT) do Detran-PI, a programação foi pensada para atingir todos os públicos.

“Até o dia 30 de maio, os educadores da Escola de Trânsito levarão mensagens sobre atitudes corretas para um trânsito seguro. Também durante todo o mês de maio, os usuários que forem em busca de atendimento na sede do Detran ou nos postos do órgão receberão material informativo sobre o Movimento Maio Amarelo.  Será um mês dedicado às ações de conscientização sobre as boas práticas no trânsito”, destaca a diretora.

Para Jeovanna, o movimento Maio Amarelo é tão essencial como o Outubro Rosa e Novembro Azul, os quais, respectivamente, tratam dos temas câncer de mama e câncer de próstata. "Queremos estimular as pessoas a refletir sobre os acidentes de trânsito: como eles acontecem e que podem sim ser evitados, seja motoristas, motociclistas ou pedestres", explica.

Maio Amarelo – Atenção Pela Vida

A cor amarela foi escolhida por simbolizar atenção, em referência à sinalização de advertência no trânsito. Já o mês foi escolhido por ter uma ligação com a história de segurança no trânsito, uma vez que foi em maio de 2011 que a ONU decretou a “Década de Ações para a Segurança no Trânsito”. A meta é reduzir 50% dos acidentes de trânsito em todo o mundo. Também em maio acontece a Semana Mundial de Segurança do Pedestre, conhecida como Campanha Zenani Mandela, em memória à neta de Nelson Mandela.

A marca do movimento é um laço na cor amarela, escolhido como símbolo da ação para despertar a necessidade de tratar o tema como verdadeira epidemia e, consequentemente, incentivar motoristas e pedestres a adotar comportamento prudente e responsável no trânsito.


Fonte: Ascom