População deve ficar alerta ao horário de coleta do lixo

olocar o lixo para ser retirado no momento certo é essencial para colaborar com a limpeza pública da cidade.

Em Teresina são coletadas mensalmente 16 toneladas de lixo domiciliar. Em três anos aumentou em três toneladas o lixo recolhido, mas mesmo com o acréscimo significativo, a coleta de lixo em Teresina é realizada de forma planejada, com turnos e horários definidos para cada região da capital. Dessa forma, a população deve se programar para colocar o lixo na porta de casa apenas no dia e turno exato da coleta em sua rua.

Além da coleta domiciliar, Teresina conta com a coleta nos pontos de transbordo, que são espaços para depósito de material inerte, como determina o Código de Postura do Município.

Com o crescimento da cidade, houve um aumento do número das rotas. Em alguns bairros, mesmo com a coleta do lixo, há o acúmulo de resíduos em função da população expor o lixo para fora de suas residências em dias inadequados. Depositar o lixo em horários avulsos, fora deste agendamento de rotina, contribui para a exposição dos resíduos à ação do tempo e, principalmente, não colabora com a manutenção da cidade limpa. O lixo indevidamente administrado provoca também mau cheiro e favorece a proliferação de animais e insetos transmissores de doenças.

?O lixo deve ser colocado apenas nos dias de coleta, pois contribui para que a cidade mantenha-se limpa, pois o lixo não fica sujeito a ação de intempéries, de vândalos ou de insetos e animais (cães, roedores e urubus) que servem de vetores para proliferação de doenças. Além de que contribuem para entupimento de bueiros e galerias, bem como povocam de danos ao bem-estar da população com mau cheiro e o aspecto visual desagradável da área com o lixo?, explicou o gerente local da Sustentare Engenharia Ambiental, Fernando Gois.

A Prefeitura de Teresina tem intensificado o trabalho de limpeza nas áreas de transbordo, mas, diariamente, são vistos carroceiros e populares descartando todo tipo de material.

?Equipes de limpeza precisam ser deslocadas para atuar nas áreas de transbordo efetuando o recolhimento de lixo que não é apenas o inerte. Além do recolhimento já programado, somos obrigados a ampliar a frequência das coletas devido ao lixo domiciliar que, se acumulado, pode ocasionar doenças e fedentina?, conta Fernando Góis.

O gerente informa ainda que, dependendo do local, a equipe de limpeza precisa recolher o lixo diariamente, o que ocasiona a demora dos serviços de capina e varrição em outros locais da mesma região.

Fonte: Jornal Meio Norte