Por falta de manutenção, vazamento desperdiça água na zona Leste de Teresina

Por falta de manutenção, vazamento desperdiça água na zona Leste de Teresina

Na zona Leste de Teresina um vazamento na Avenida Nossa Senhora de Fátima vem desperdiçando água há cerca de um mês. A Agespisa alega que não sabia do vazamento

Um vazamento, na Avenida Nossa Senhora de Fátima, na frente do Jockey Club de Teresina, há dias desperdiça água na região. Segundo a população que vive ou trabalha nas proximidades, o problema persiste há cerca de um mês e nada foi feito para resolver.

O estoquista Carlos Augusto Pereira, que passa pelo local todos os dias, ao ir para o trabalho, afirma que o vazamento chama atenção, pela quantidade de água que é desperdiçada. “Eu confesso que acreditava que alguma rede de esgoto havia estourado, pois me recusava a admitir que fosse possível um desperdício de água tão grande e por tanto tempo. Espero que tomem logo alguma providência, pois não tem como desperdiçar tanta água assim”, disse.

O desperdício no local contrasta com a realidade de vários bairros periféricos da cidade, que costumam ficar vários dias sem água. O estudante João Alves, que estuda nas proximidades e também passa pelo local todos os dias, lamentou justamente esse contraste e afirmou que é revoltante ver tanto desperdício de água na cidade. “Já tem cerca de um mês que está assim e ninguém toma nenhuma atitude. Passo por aqui todos os dias e nunca vi ninguém tentando consertar isso”, afirmou.

Em nota, a Agespisa garantiu que só foi informada do problema no último domingo (26) e que ainda ontem (27), até o final da tarde o problema seria resolvido. “A Agespisa informa que está programada para esta segunda-feira a correção do vazamento na Avenida Nossa Senhora de Fátima, no trecho em frente ao Jóquei Clube. A ocorrência do vazamento foi comunicada na tarde do último domingo à Ouvidoria da empresa, que atende 24 horas no telefone 0800 086 8888. A ligação é gratuita também de telefone celular”, afirmou em nota.

Clique aqui e curta Portal Meio Norte no facebook

Fonte: Pollyana Carvalho