Prefeito de Pajeú e vice morrem em colisão de carro com carreta

O gestor havia feito várias atividades durante o dia.

Na noite desta terça-feira (13/09), o prefeito da cidade de Pajeú do Piauí, Juscelino Mesquita dos Reis e o seu vice José Eduardo Gonzaga Filho, o ‘Zezito’, morreram após colidirem a caminhonete em que estavam em uma carreta provocando um grave acidente no município de Canto do Buriti.

O acidente aconteceu por volta das 22h e por conta do impacto dos ferimentos os dois vieram a óbito ainda no local. O gestor concorria à reeleição e estava em campanha política pela cidade.

A polícia militar da região foi acionada e realizou os devidos procedimentos de isolamento da área. Peritos do Instituto de Criminalística também foram até o local realizar a investigação do acidente. Os corpos das vítimas foram removidos pelo Instituto Médico Legal.

Juscelino Mesquita tinha 60 anos e Zezito 55. Familiares e amigos lamentaram as mortes e os moradores da cidade de Pajeú do Piauí estão em estado de choque.

O sargento Edmundo, da 3ª Companhia do 3º BPM de Canto do Buriti, afirmou que na rodovia PI-140, a dois quilômetros da zona urbana do município de Canto do Buriti, uma caminhonete S-10, conduzida pelo prefeito de Pajeú do Piauí (240 km de Teresina), tentou desviar de um reboque que estava passando na estrada e colidiu com uma carreta bitrem.

O comandante do 3º Batalhão da Batalhão da Polícia Militar (BPM) de Floriano, coronel Rubens Lopes informou que Juscelino Mesquita dos Reis e José Eduardo Gonzaga de Carvalho morreram em consequência de politraumatismo e ficaram presos nas ferragens, tendo o Corpo de Bombeiros sido acionado para a retirada dos corpos.

“Os corpos do prefeito e do vice-prefeito foram retirados da S-10 e levados para os exames cadavéricos no Hospital de Canto do Buriti. Depois, serão levados para velório e sepultamento em Pajeú do Piauí”, afirmou o coronel.

Ele informou ainda que o reboque que teria provocado o acidente e as mortes do prefeito e do vice-prefeito não foi localizado por toda a extensão da rodovia PI-140.

O coronel Rubens Lopes afirmou que o motorista da carreta bitrem deu depoimento na Delegacia de Polícia Civil de Canto do Buriti, que está apurando as mortes e o acidente e foi liberado porque não tem culpa já que seu veículo funcionou como se fosse um poste que a Hilux, conduzida pelo prefeito Juscelino Mesquita dos Reis, colidiu.

A Prefeitura de Pajeú decretou luto oficial por seis dias.

A coligação do O Trabalho Continua com a Força do Povo , formada pelo PMDB, PR, partido de Zezinho, PT e Pros , irão escolher novos candidatos a prefeito e a vice-prefeito para as eleições municipais de 2 de outubro.

Image title

Image title


Fonte: Portal MN