Prefeitura de Teresina divulga abertura de escolas que vão beneficiar 1.690 alunos

Como temos muitos alunos que moram no bairro, eles tinham que ser levados para outras escolas. Agora, as crianças podem estudar perto de casa e os pais podem fazer parte bem mais perto”, diz.

Durante o mês de março, a Prefeitura de Teresina, através de recursos próprios e auxílio do BNDES, divulga a abertura de escolas nas zonas Leste, Sul e Sudeste da capital, regiões onde a demanda cresce a cado ano. As ações marcam as inaugurações de quatro unidades municipais de ensino, pois as escolas carecem de uma boa educação e estrutura escolar a sua altura.

As escolas beneficiam cerca de 1.690 alunos. Dentre elas, a Escola Municipal Graciliano Ramos, localizada no Residencial Torquato Neto III, Bairro Portal da Alegria. De acordo com Raimunda Soares, diretora da escola, a unidade está pronta para receber em média 840 estudantes, divididos em 24 turmas do segundo ao nono ano do Ensino Fundamental II.

A diretora também conta que a escola atende à comunidade do Portal da Alegria e adjacências. “Por conta da construção do conjunto Portal da Alegria, houve a necessidade de uma escola, que já era parte de um projeto.

Como temos muitos alunos que moram no bairro, eles tinham que ser levados para outras escolas. Agora, as crianças podem estudar perto de casa e os pais podem fazer parte bem mais perto”, diz.

A escola começou o período letivo em 9 de março, e segundo a diretora, o impacto superou as expectativas para educação fundamental da região. “Está sendo muito positivo, pois com o aluno, tendo uma escola no bairro dele, ele fica menos cansado e consequentemente rende mais. Ainda mexe com a autoestima, agora ele pode falar que tem uma escola dentro do bairro”, afirma.

Os professores e a direção da escola Graciliano Ramos também estão pondo em prática a preservação do prédio. Raimunda Soares conta como estão sendo os trabalhos. “Nosso objetivo é que os alunos zelem pela escola e já estamos com alguns projetos de arborização, garrafa pet. Ainda estamos negociando com os professores, as aulas de como fazer mesas de pneus, servindo como tabuleiro de dama, tudo com material reciclado. Agora, com o aluno trabalhando a conservação do prédio, ele dará mais valor, além de proteger o meio ambiente”, finaliza.

Segundo a Prefeitura de Teresina, a Escola Municipal Graciliano Ramos conta com pátio coberto, palco, diretoria, banheiro para professores e administrativo, sala de professores com repouso, secretaria, sala do coordenador pedagógico, APE, biblioteca, laboratório de Informática, depósito, cozinha com despensa, banheiro para funcionários, depósito de material de limpeza, área de serviço, quatro banheiros para alunos, sendo dois adaptados para pessoa com deficiência, e 12 salas de aula. Ainda atende aos Parâmetros de Infraestrutura do MEC.

Fonte: Jornal Meio Norte