Preparação ideal evita constrangimentos em programa de intercâmbio

A avaliação teria iniciado em fevereiro, o que tomou muitos estudantes de surpresa, já que a expectativa é que ela fosse aplicada em março ou abril.

ACOMPANHE A REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO DE TERÇA-FEIRA (20/05) DO JORNAL MEIO NORTE

Ao todo 110 estudantes do programa Ciência Sem Fronteiras foram convocados para retornar ao Brasil sem nem mesmo terem começado a exercer as atividades na universidade estrangeira, destes 80 estão na Canadá e 30 na Austrália; a medida se deu pelo fato deles não terem atingido o nível necessário de proficiência no inglês. A avaliação teria iniciado em fevereiro, o que tomou muitos estudantes de surpresa, já que a expectativa é que ela fosse aplicada em março ou abril. Para evitar que um constrangimento do tipo aconteça com você, é primordial estudar detalhadamente a língua do país em que almeja realizar o intercâmbio.

No Piauí, a procura pelo projeto cresce substancialmente no decorrer dos anos, porém os jovens que planejam participar devem estar atentos na preparação. Segundo a professora de idiomas Lina Carvalho, não adianta se inscrever sem ter o conhecimento necessário. ?Se a pessoa não tem qualquer base, ela precisa de no mínimo 2 anos?, afirma. É comum que muitos aspirantes deixem para buscar ajuda nos meses que antecedem a seleção, entretanto, essa medida é arriscada e acaba declinando durante o processo. ?O conselho é que comecem a se preparar logo quando entram no ensino superior ou até mesmo antes?, declara Carvalho.

Antigamente, uma saída para aqueles que não tinham o domínio de outro idioma e mesmo assim desejavam estar inseridos no Ciência Sem Fronteiras era optar por um intercâmbio em Portugal, porém ele foi excluído do programa, tendo em vista o entendimento que já haviam muitos participantes no país e que os brasileiros não desenvolveriam o aprendizado de uma segunda língua. Desse modo, nações hispânicas estão sendo procuradas com mais frequência, mas Lina Carvalho alerta. ?Esse projeto é uma oportunidade única, mas não se pode ter a ideia de que dará certo sem ter a preparação ideal. Muitos tem a ilusão de que o espanhol é fácil, isso é um engano?, completa.

Fonte: Francy Teixeira