Prioridade é encontrar os desaparecidos do avião da FAB

A aeronave caiu na região amazônica na quinta-feira (29)

O Comando da Aeronáutica informou, em entrevista coletiva realizada às 12h (horário de Brasília) deste sábado (31), que a prioridade é encontrar os dois desaparecidos que não foram resgatados do local do acidente com o avião da Força Aérea Brasileira (FAB). Ainda estão no local João de Abreu Filho, funcionário da Fundação Nacional da Saúde (Funasa) e o suboficial Marcelo dos Santos Dias, mecânico do avião.

A aeronave caiu na região amazônica na quinta-feira (29). No total, 11 pessoas estavam a bordo. Nove foram resgatadas e levadas para o Hospital Geral do Juruá, em Cruzeiro do Sul (AC).

Os sobreviventes seguiram para Tabatinga (AM), em uma aeronave da FAB. Eles foram ficaram internados no Hospital Regional do Juruá, em Cruzeiro do Sul (AC) e receberam alta na manhã deste sábado.

O brigadeiro Souza Melo informou que o avião com os familiares e sobreviventes ainda não chegou a Tabatinga. O cronograma da viagem de retorno para casa prevê que o grupo siga de barco até Benjamin Constant (AM) e, finalmente, para Atalaia do Norte (AM), onde moram.

Fonte: g1, www.g1.com.br