Professora aumenta nota de aluno após ter relações sexuais com ele

Desde então, ela se demitiu do seu trabalho e vai ter que responder

Uma professora do ensino médio foi acusada de ter relações sexuais com um aluno, que de repente, começou a tirar notas melhores.

Segundo a polícia a ‘vítima’  foi reprovada em Inglês no semestre passado, mas atualmente tem nota 9,8 na média.

Kayln Thompson,25 anos, que trabalha na Kellyvile High School, em Oklahoma, Estados Unidos, foi acusada de estupro de segundo grau depois de ter afirmado que teve relações com o estudante.

Investigadores dizem que Thompson estava trabalhando na escola por menos de um ano, quando começou a ter um flerte com um aluno de 17 anos de idade.

A vítima que está no primeiro ano, disse à polícia que teve relações sexuais com Thompson duas vezes, uma em um lago e uma vez em um motel.

Embora a idade de consentimento em Oklahoma seja de 16, como uma professora Thompson é uma figura de autoridade e foi cobrada severamente.

Desde então, ela se demitiu do seu trabalho. O detetive de Creek County, Chrissie Underwood disse: “É triste porque eles são vulneráveis a ela, e, obviamente, ele está recebendo uma boa nota a partir do ato.”

Image title


Fonte: Blogando Tudo