Quadrilha usava drone para entregar drogas em presídio

Operação prendeu o bando no Rio Grande do Sul

Uma operação comandada pelo Ministério Público, em parceria com a Brigada Militar e a Polícia Civil do Rio Grande do Sul, realizada nesta sexta-feira (19) prendeu uma quadrilha que usava o instrumento controlado remotamente para entregar entorpecentes no Presídio Estadual de Santa Rosa, no noroeste do estado. Há a suspeita de que o drone também tenha sido usado para remessa de droga a domicílio, o que ainda não se confirmou.

A ação cumpriu 36 mandados de prisão preventiva e 83 de busca e apreensão depois de uma investigação que durou cinco meses. Inicialmente, as autoridades pensaram se tratar de uma grande quadrilha especializada no tráfico de drogas. No entanto, ao longo da apuração, descobriram ser, na realidade, de oito grupos de médio e pequeno porte.

Bahia

Em junho, um drone que sobrevoava um presídio na região sul da Bahia foi derrubado a tiros pela Polícia Militar. O instrumento transportava 19 celulares, cartões de memória, chips e carregadores.



Fonte: Com informações do Zero Hora