Rodoanel deve ser concluído em julho de 2016; orçada em R$ 97 mi

Projeto que liga as BRs 316 e 343 encontra-se com 80,8% concluído.

Mobilidade Urbana é tema discutido em todo o país, no Piauí o Governo do Estado tem realizado grandes investimentos na área. A fim de oferecer aos cidadãos piauienses um trânsito mais ágil e seguro diversas obras estão sendo realizadas, a maior delas é o Rodoanel de Teresina.

O projeto que interliga as BRs 316 e 343 encontra-se com 80,8% concluído. A previsão de entrega é para julho de 2016. Com estrutura moderna, o projeto constitui na implantação e pavimentação asfáltica da rodovia de ligação no entroncamento das BRs 343 e 316 com 28,57 quilômetros de extensão, construção de uma ponte sobre o rio Poti com 240 metros de extensão e 20 de largura, um viaduto ferroviário com 105 metros de comprimento e dois viadutos com 40 metros de comprimento sobre as interseções com as BRs 316 e 343.

A obra é uma das intervenções urbanas mais aguardadas pelos piauienses, principalmente pelos que diariamente cruzam a cidade no sentido Sul – Norte ou Norte-Sul, já que depois de finalizado o Rodoanel de Teresina diminuirá em 15 quilômetros a distância entre as duas zonas. Há expectativas também que cerca de 5000 veículos pesados deixem de circular pelo Centro da capital piauiense, o que dará mais fluidez ao trânsito de Teresina, diminuindo tempo de deslocamento, congestionamentos e evitando acidentes.

Orçada em R$ 97.100.864,55, a obra havia sido embargada, em maio de 2014, por uma decisão judicial, teve os trabalhos retomados em junho deste ano e segue em ritmo acelerado com previsão de entrega em julho de 2016. “O Rodoanel de Teresina é fundamental para a mobilidade urbana de Teresina, pois vamos conseguir retirar do meio urbano os caminhões de grande porte e fazer com que haja uma maior fluidez dentro da cidade”, afirma o secretário do Estado dos Transportes, Guilhermano Pires.

Fonte: Assessoria