Secretário de Justiça aposta na humanização do sistema prisional

O secretário é um grande defensor da ressocialização dos detentos

Secretário de Justiça aposta na humanização do sistema prisional

Durante visita à Penitenciária de Floriano neste final de semana, o secretário de Justiça, Daniel Oliveira, voltou a tratar da humanização no sistema prisional piauiense. Ávido defensor da ressocialização, o gestor determinou o fim da revista vexatória na unidade, obedecendo aos anseios estabelecidos em âmbito federal. A portaria atende a filosofia de trabalho amplificada pela atual gestão, assim as atenções se difundem sobre o fortalecimento dos projetos que pautam a profissionalização e a educação, oferecendo aos detentos uma nova chance.

Oliveira explicou os avanços que o fim da revista vexatória trará ao sistema, dispondo o diálogo no respeito à dignidade e na extinção de qualquer abuso. “Avançamos no cumprimento da Constituição, da Lei de Execução Penal e no próprio respeito ao ser humano, garantindo atendimento digno àquelas pessoas que têm parentes no sistema prisional, acabando com quaisquer tipos de abuso ou constrangimento que essa revista possa causar”, explicou.

O compromisso no município do Sul piauiense também se concentrou na entrega da obra de ampliação da iluminação do presídio, a reforma dos setores. “Com a nova iluminação, saímos da escuridão e, com as reformas, temos melhores condições de trabalho, garantindo condições mais humanas aos internos e aos familiares que vêm visitar seus parentes na unidade e aos servidores”, indicou o gerente da Penitenciária, Delfran Rodrigues.

Além destes avanços, Daniel Oliveira assinou os termos de cooperação para executar a Política Nacional de Atenção à Saúde das Pessoas Privadas de Liberdade (Pnaisp) e do projeto Registrar (voltado à emissão de documento aos detentos). Medidas que fortalecem o processo de ressocialização.

Fonte: Francy Teixeira