Secretário vai atrás de recursos para o sistema prisional do Piauí

Os investimentos são resultado de uma negociação.

O secretário de Estado da Justiça, Daniel Oliveira, reuniu-se, em Brasília, nesta quinta-feira (14), com o diretor-geral do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), Renato De Vitto, e a diretora de Políticas Penitenciárias do Departamento, Valdirene Daufemback, para tratar da liberação de recursos dos convênios já pactuados entre a Sejus e o órgão do Ministério da Justiça destinados a investimentos no Piauí.

A solicitação de maior acesso ao Fundo Penitenciário Nacional visa à construção da Cadeia Pública de Altos, que contemplará 600 novas vagas ao sistema prisional do Piauí, além da garantia de recursos para que a Secretaria da Justiça possa adquirir, ainda neste ano, novos equipamentos de segurança eletrônica e sete novas viaturas para o sistema prisional.

De acordo com Daniel Oliveira, os investimentos são resultado de uma negociação que possibilitará à Sejus investir em áreas estratégicas. “A reunião foi bastante produtiva. A liberação imediata destes recursos nos permitirá investir em novos convênios para tocar obras futuras e as que já estão em andamento, assim como adquirir materiais essenciais para melhorar o sistema prisional”, destaca o secretário.

Além da obra da Cadeia Pública de Altos, prevista para ser iniciada ainda em 2016, estão em andamento a construção da Central de Triagem de Teresina, anexa à Casa de Custódia, com 160 vagas, e a Casa de Detenção de Campo Maior, que terá capacidade de 140 vagas. Uma reforma na Penitenciária Irmão Guido também está em processo licitatório.

Secretário de Justiça (Crédito: Reprodução)
Secretário de Justiça (Crédito: Reprodução)


Fonte: Ascom