Sine realizou mais de 100 mil atendimentos

Sine oferta informações e orientações sobre o mercado de trabalho.

O Sistema Nacional de Emprego (SinePiauí) é uma diretoria da Secretaria de Estado do Trabalho e Empreendedorismo (Setre) em parceria e convênio com o Ministério do Trabalho e Emprego, tendo como meta a organização do mercado de trabalho dentro do estado.

O Sine oferta informações e orientações sobre o mercado de trabalho, intermediação de mão de obra, Seguro Desemprego, qualificação de mão de obra, apoio ao trabalho autônomo e expedição de Carteira de Trabalho e Previdência Social.

Do início do ano até o mês de outubro, o Sine já atendeu mais de 105.420 pessoas diariamente. Foram 4.667 vagas captadas nas empresas, 7.454 encaminhamentos para o mercado de trabalho. Para o Seguro Desemprego foram atendidas ainda 62.014 pessoas e mais de 17.145 inscritos no sistema do Sine.

Sine oferta informações e orientações sobre o mercado de trabalho
Sine oferta informações e orientações sobre o mercado de trabalho

A intermediação de mão de obra é realizada através do atendimento no balcão do Sine para participar do processo seletivo para alguma das vagas o trabalhador deve agendar seu atendimento no site do sistema.

O sistema solicita ainda que ao se dirigir ao atendimento o trabalhador porte os documentos de RG, Carteira de Trabalho, Comprovante de Residência, Comprovante de Escolaridade e Certificados de qualificação para facilitar o seu cadastro. Caso tenha disponível alguma vaga de acordo com o perfil do trabalhador, o mesmo será encaminhado para participar de processos seletivos nas empresas, diretamente no setor de atendimento, ou após avaliação do Serviço de Psicologia, caso contrário, o candidato será orientado a voltar ao Sine para acompanhar o processo de solicitação de vaga. Os dados devem ser atualizados sempre que o trabalhador mudar de endereço, telefone ou realizar novos cursos de aperfeiçoamento e capacitação profissional.

Para o secretário da Setre, Gessivaldo Isaías, a solução para diminuir as taxas de desemprego está na junção da qualificação com a intermediação da mão de obra. “A parceria entre a Setre e o Sine acontece para melhorar cada dia mais a vida do cidadão, juntar a qualificação com a intermediação da mão de obra se tornou o casamento perfeito para o nosso trabalho e nosso objetivo é aprofundar e melhorar essa ação dentro do nosso estado”, concluiu.

No Piauí o Sine conta com 18 postos de atendimento, além de Teresina o sistema tem sedes em Bom Jesus, Floriano, Esperantina, Oeiras, Piripiri, Corrente, São João do Piauí, Valença, Uruçuí, Pedro II, Picos, Parnaíba e São Raimundo Nonato. Para verificar os endereços dos postos de atendimentos e outras informações sobre o Sine, o interessado deve acessar o site www.sine.pi.gov.br.

Fonte: Assessoria