Solicitação do seguro DPVAT tem aumentado no Piauí

Existem pessoas que ficam em hospitais só para abordar acidentados.

Com o número de acidentes aumentando, a solicitação do seguro de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT) também cresceu no Piauí. Levantamento feito pela Seguradora Líder mostra que em 2013 foram pagas 1.198 indenizações por mortes no trânsito em todo Estado.

De janeiro a dezembro de 2014, esse número subiu para 1.264. O DPVAT é um seguro obrigatório que serve para que vítimas de acidentes de trânsito sejam devidamente indenizadas quando necessário. O presidente da Comissão de Direito do Trânsito da Ordem dos Advogados do Brasil - seccional Piauí -, Humberto Carvalho, ressalta que é necessário que a população esteja atenta antes de requerer o benefício para não cair em golpes de oportunistas. “Todos os dias vemos pessoas reclamando.

A máfia é muito grande em relação a isso. Existem pessoas que ficam em hospitais só para abordar acidentados. Como muita gente não tem informação, acaba-se achando que é necessário procurar um advogado para solicitar o seguro, o que não é preciso. O próprio acidentado pode ir em uma seguradora e dar entrada no benefício para evitar o atravessador.

O processo não é tão complicado e dura em torno de 30 dias”, explica Humberto Carvalho. Segundo o presidente da comissão da OAB, o DPVAT pode ser requisitado em caso de morte, invalidez permanente ou morte. “Os valores são: morte ou invalidez permanente R$ 13.500 e despesas médicas R$ 2.700”, completa o advogado.

Fonte: Jornal Meio Norte