Sucuri de 6 metros é encontrada em fábrica de cimento e deixa funcionários em pânico

Sucuri de 6 metros é encontrada em fábrica de cimento e deixa funcionários em pânico

Por volta das 9h, enquanto o animal se arrastava pelo solo, os funcionários aproveitaram para pegá-lo e levá-lo ao banheiro da unidade.

Uma sucuri de seis metros foi encontrada numa fábrica de cimentos, na zona rural do município de Cezarina (73 km de Goiânia). Os funcionários do local avistaram a serpente num lago que fica em frente à unidade industrial no começo da manhã desta segunda-feira (5).

Por volta das 9h, enquanto o animal se arrastava pelo solo, os funcionários aproveitaram para pegá-lo e levá-lo ao banheiro da unidade, onde ficou trancado até a chegada do Corpo de Bombeiros.

A equipe dos bombeiros chegou ao local às 11h30. Segundo o soldado Saulo Henrique, a serpente, que pesava cerca de 100 quilos, não ofereceu resistência e foi transportada para o veículo da corporação por oito homens.

Devido ao tamanho do bicho, dois homens precisaram segurá-la durante todo o período do transporte até a corporação, em Palmeiras de Goiás (79 km de Goiânia). No local, a sucuri foi examinada pelo biólogo e professor da Universidade Estadual de Goiás (UEG), Luiz Gonzaga, que detectou que a sucuri está aguardando filhotes ?o que justifica a passividade do animal.

De acordo com ele, no período de gestação, a serpente tende a ficar mais lenta e menos agressiva. Pelo peso e estatura da sucuri, a previsão é de que nasçam até 30 filhotes, segundo o biólogo.

Sem apresentar lesões, a sucuri foi levada para o rio dos Bois, onde foi solta nas proximidades da GO-050, às 13h30.

Fonte: UOL