Suspeito de jogar bomba em casal postou ameaças na internet

Suspeito de jogar bomba em casal postou ameaças na internet

Jovens estão internados com queimaduras de 3º grau, em Anápolis, GO.

O suspeito de jogar uma bomba caseira em um casal de namorados em Anápolis, a 55 km de Goiânia, fez ameaças pelo Facebook momentos antes do crime, segundo informações da polícia na manhã desta terça-feira (8). O crime aconteceu na tarde de domingo (6) em um cruzamento de duas avenidas bastante movimentadas da cidade. O principal suspeito, segundo a polícia, é o ex-namorado da jovem.

?Nós já temos o suspeito que contou com a ajuda de outras pessoas também. Tudo indica que seja ele porque tivemos acesso à rede de relacionamento dele e vimos que ele postou mensagens ameaçadoras como ?Está chegando a hora. Vão morrer queimados?. Agora, iremos analisar também as imagens das câmeras de segurança instaladas no local?, afirma o delegado responsável pelo caso Eder Ferreira Martins.

Para o delegado, o crime foi motivado por ciúmes. Ele não divulgou a identidade do suspeito para não atrapalhar as investigações. ?Nós temos a informação de que ele apresentou um descontentamento pelo fato da namorada ter largado dele e passar a namorar a vítima. Vamos ouvir as testemunhas e, caso seja comprovada a autoria do crime, o jovem deverá responder por tentativa de homicídio e ser julgado?.

O G1 conversou com o pai de Thays Mendes, de 19 anos. Inconformado, José Bento Mendes pediu uma corrente de oração para a filha. ?Estou entregando nas mãos de Deus e quero que todos rezem por ela. Minha filha é um amor de pessoa e estamos todos lutando pela vida dos dois?.

Segundo ele, a filha começou a namorar Guilherme Almeida, de 20 anos, há menos de dois meses. Ele lembra que Thays manteve um relacionamento muito curto com o ex-namorado: ?Eles nem namoraram não, saíram algumas vezes só. Acho que quem tem uma atitude dessas é um psicopata?.

Estado de saúde

O casal está internado em estado grave no Hospital de Queimaduras de Anápolis. A unidade não divulgou o boletim médico, mas, segundo a família de Thays, a jovem teve 50% do corpo queimado e Guilherme sofreu queimaduras de até 3º grau nos braços, tórax e pernas. Os dois estão internados na Uniadde de Terapia Intensiva (UTI) e não têm previsão de alta.

?A situação deles é bastante delicada, mas minha filha é como eu. Ela é forte a vai sair logo de lá?, disse José Mendes.

Testemunhas

Muitos moradores e comerciantes presenciaram a cena e dizem que ainda estão chocados. Alguns afirmam que viu quando o agressor acendeu a bomba de fabricação caseira em plena luz do dia e a arremessado dentro do carro onde estava o casal. ?Eu a vi pulando da janela do carro com a roupa pegando fogo?, conta a vendedora Maria do Socorro Costa.

Imagens gravadas por um cinegrafista amador registraram o desespero dos jovens ao descerem do veiculo e esperarem pelo socorro na calçada de uma das avenidas.

Fonte: G1