Segundo analista, Facebook vai deixar de existir em 2020; veja

Para ele, o site de relacionamento não vai viver mais do que oito anos.

Os atuais resultados financeiros da rede social de Mark Zuckerberg fez o analista de mercado e investidor da Ironfire Capital, Eric Jackson, comentar que o Facebook está com seus dias contados. Para ele, o site de relacionamento não vai viver mais do que oito anos.


Analista diz que Facebook vai deixar de existir em 2020

?Em cinco ou oito anos, o Facebook vai desaparecer da mesma forma como o Yahoo desapareceu. O Yahoo ainda continua fazendo dinheiro e emprega 13 mil pessoas, mas hoje tem valor de mercado de 10% em relação ao início dos anos 2000", disse durante o programa ?Squawk on the Street?, da CNBC.

Para o analista, o Facebook pode continuar comprando empresas que criam aplicações móveis como foi o caso do Instagram, mas isso não deve salvar o futuro de Mark Zuckerberg por uma simples questão: a rede social é um enorme site, que está na Internet e não nas empresas de produtos móveis.

Outro fator que faz com que o analista pense de modo negativo é a desvalorização do valor de mercado do Facebook, que abriu suas ações no dia 18 de maio com cada uma delas valendo US$ 38 (em torno de R$ 77), mas nesta segunda-feira (4) fechou o dia em US$ 26,90 (aproximadamente R$ 55).

Fonte: Tech Tudo