Anatel autoriza venda do iPhone 5 no Brasil; preço não foi revelado

Anatel autoriza venda do iPhone 5 no Brasil; preço não foi revelado

Certificado de homologação do aparelho foi divulgado

A Anatel já homologou o iPhone 5 para venda no Brasil, autorizando a comercialização do produto no país --a Apple ainda não confirma a data de chegada do aparelho ao país. A certificação foi feita no dia 1º de outubro, segundo o documento divulgado no site da agência.

A Anatel precisa homologar todos os smartphones que serão vendidos no país, tornando o procedimento algo de praxe para as companhias que pretendem entrar no mercado brasileiro. A certificação indica que as operadoras brasileiras e a Apple já podem preparar o lançamento nacional do produto.


Anatel autoriza venda do iPhone 5 no Brasill; preço não foi revelado

Tanto operadoras brasileiras quanto Apple ainda não confirmam a chegada do iPhone 5 ao Brasil. No lançamento do aparelho, a companhia americana prometeu levar o novo iPhone para até cem países até dezembro.

Os possíveis preços do aparelho também não foram divulgados. Nos Estados Unidos, o modelo mais simples sai por US$ 199, atrelado a um plano de operadora --lá fora, a empresa ainda não divulgou os preços oficiais da versão desbloqueada do iPhone 5.

O iPhone 5 foi anunciado no dia 12 de setembro, em um evento feito pela empresa nos Estados Unidos. O novo aparelho tem como destaques sua tela maior (4 polegadas) e conexão à rede 4G LTE, que permite acesso mais rápido à internet. Ele é vendido com capacidades de armazenamento de 16 GB, 32 GB e 64 GB.

Apenas três dias após o início da comercialização do novo aparelho fora do Brasil, a Apple anunciou que já havia vendido mais de 5 milhões de unidades do smartphone. O lançamento inicial foi feito em nove países, incluindo EUA, Canadá, Reino Unido, França, Alemanha, Japão e Austrália.

"A demanda pelo iPhone 5 é incrível", disse Tim Cook, CEO da empresa, em um comunicado.

Aprovação e críticas

A Consumer Reports, influente grupo de críticos que crucificou o iPhone 4 por uma antena defeituosa, aprovou o iPhone 5. A organização disse que os testes de laboratório confirmaram que o novo iPhone 5 está entre os melhores smartphones.

Apesar disso, o produto recebeu severas críticas sobre seu novo aplicativo de mapas. No iOS 6, novo sistema operacional para dispositivos móveis da Apple, a companhia americana abandonou sua parceria com o Google e decidiu criar um serviço próprio de mapas. O aplicativo foi bastante criticado.

No último dia 28 de setembro, a Apple divulgou uma declaração em que se desculpa pelos problemas encontrados nos mapas. De acordo com o presidente-executivo da Apple, Tim Cook, a empresa "ficou aquém" no seu compromisso de entregar a melhor experiência possível aos clientes. ?Estamos extremamente tristes pela frustração que isso causou aos nossos clientes e estamos fazendo de tudo para tornar os mapas melhores?.

Fonte: G1