Aneel adia decisão sobre acesso à internet por energia elétrica

A banda larga por meio da rede elétrica deve permitir uma agilidade do serviço muito acima do padrão original dos computadores

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) deve decidir na próxima semana sobre o uso da rede de energia elétrica para a transmissão de internet em banda larga. Inicialmente, a decisão sobre o assunto estava marcada para esta terça-feira (11), mas foi adiada devido a um pedido da relatoria.

A banda larga por meio da rede elétrica deve permitir uma agilidade do serviço muito acima do padrão original dos computadores, limitada a 56 quilobits por segundo (kbps).

Atualmente a maioria dos serviços de banda larga oferece velocidade a partir de 300 kbps. A nova alternativa já foi aprovada pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) em abril.

De acordo com áreas técnicas da Aneel, a transmissão em banda larga pelo sistema de energia elétrica não provocará interferências entre os dois serviços, uma vez que cada um trabalha com sua frequência própria.

A estimativa das duas agências reguladoras é de que a medida viabilizará a disseminação do uso de banda larga para transmissão de internet, uma vez que a rede de energia elétrica envolve uma estrutura já existente.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br