Apple lança iPad Air, menor, mais leve e mais rápido que o iPad 4

Apple lança iPad Air, menor, mais leve e mais rápido que o iPad 4

A versão básica do novo iPad (16 Gbytes) custará US$ 499 nos EUA e o tablet começa a ser vendido no dia 1 de novembro em 41 países

A Apple anunciou nesta terça-feira (22), durante evento para a imprensa em San Francisco, o iPad Air, sucessor do iPad 4. O tablet ficou menor, mais leve e foi equipado com processador A7, que é usado no iPhone 5S.

A versão básica do novo iPad (16 Gbytes) custará US$ 499 nos EUA e o tablet começa a ser vendido no dia 1 de novembro em 41 países --ainda não há data de lançamento nem preço definidos para o Brasil.

Seu design também mudou e, como se esperava, se tornou mais parecido com o iPad Mini. O aparelho ficou mais leve (de 652 g para 469 g), mais fino (de 9,4 mm para 7,5 mm) e sua traseira ficou completamente plana.

Ao contrário do que se especulava, o tablet não ganhou um leitor de digitais como o iPhone 5s, nem a opção dourada.

Houve ainda outras alterações menores como um novo microfone de dois canais. A câmera de 5 Mpixels continua a mesma.

O preço das versões do iPad Air vão dos US$ 499 (16 Gbytes, sem opção de internet móvel) até US$ 929 (128 Gbytes, com entrada para cartão SIM)

VENDAS

Durante o evento de lançamento do novo iPad, o presidente-executivo da Apple, Tim Cook, ainda revelou que a empresa já vendeu 170 milhões de unidades do produto desde que foi lançado.

Segundo Cook, esses iPads representam 82% do tráfego de internet vindo de tablets.

Fonte: Folha Tec