Apple recua e rastreador iPhone poderá ser desligado pelo usuário

Apple recua e rastreador iPhone poderá ser desligado pelo usuário

A Apple confirmou que o recurso, de fato, existe.

A Apple recebeu muitas críticas após o polêmico rastreamento de localização dos usuários ser mantido no iOS 7. Entretanto, após a repercussão negativa, a companhia norte-americana voltou atrás e divulgou que as pessoas poderão desligar o novo rastreador do iPhone, caso desejem.

As informações foram divulgadas pelo site Ubergizmo, logo após a página 9To5Mac revelar como acessar a funcionalidade na última quinta-feira (8). A grande novidade não é o rastreamento em si, mas sim o fato de ele agora ser um recurso acessível pelo usuário e configurável. Ou seja, caso o rastreamento de localização do iPhone incomodar uma pessoa, ela pode acessar um menu e desligá-lo.

Segundo o Ubergizmo, a Apple confirmou que o recurso, de fato, existe. No entanto, ele funcionará como as ferramentas de localização já existentes no iPhone e poderá ser desativado. Dessa forma, usuários que estavam preocupados com a sua privacidade e com o rastreamento dos seus passos podem ficar mais tranquilos. Os dados só serão captados caso a própria pessoa deseje.

Fonte: Tech Tudo