Brasil é o que mais cresce em rede social de traições, diz estudo

Brasil é o que mais cresce em rede social de traições, diz estudo

Site lançado em julho já tem cerca de 316 mil brasileiros cadastrados

O Brasil foi o país que mais cresceu na rede social de traições Ohhtel na primeira quinzena de outubro. De acordo com dados divulgados pela empresa, o país tinha cerca de 316 mil usuários cadastrados em 19 de outubro. No início do mesmo mês, o número era de 280 mil membros.

A rede social americana, que foi lançada no Brasil em 11 de julho, é especializada em relações extraconjugais e ajuda os usuários a ?pularem a cerca?. O Ohhtel opera em mais seis países: Estados Unidos, Canadá, Argentina, Chile, Paraguai e Peru.

A cidade de São Paulo cresceu quase 40% em novos usuários em outubro, número maior que todas as metrópoles onde o site opera, como Nova York. Segundo Karen Meohas, gerente de marketing do Ohhtel no Brasil, o estado de São Paulo já conta com 84 mil usuários cadastrados.

?O site sempre cresceu, mas eram números normais para um novo país em operação?, disse Karen. ?Acho que isso é uma resposta que o público brasileiro normalmente dá para todos os serviços relacionados à tecnologia. Estamos entrando em um momento de aceitação como rede social?.

Fonte: G1