Brasil Game Show 2013: Confira o que rolou no primeiro dia da feira

Brasil Game Show 2013: Confira o que rolou no primeiro dia da feira

A Microsoft confirmou que o Xbox One está realmente sendo produzido no Brasil e o preço oficial será de R$ 2.299.

O primeiro dia da Brasil Game Show 2013 marcou a abertura do evento para a imprensa e convidados especiais. O grande destaque da feira ficou por conta da conferência da Microsoft e a oportunidade de testar alguns dos mais populares jogos presentes no evento. A BGS 2013 continua até o dia 29 de outubro no Expo Center Norte em São Paulo.

Microsoft

Após a conferência da Sony no dia anterior (24) que manteve o preço do PlayStation 4 no Brasil em R$ 3.999, a Microsoft tinha caminho livre para enaltecer o Xbox One no país. O foco foi todo sobre o lançamento do novo console da empresa, o qual entrou no palco sendo carregado em um baú por atores vestidos como soldados romanos, no clima do jogo Ryse: Son of Rome.


Brasil Game Show 2013: Confira o que rolou no primeiro dia da feira

A Microsoft confirmou que o Xbox One está realmente sendo produzido no Brasil e o preço oficial será de R$ 2.299. Esse valor é R$ 100 a mais do que a versão do console vendida até então em pré-venda, por R$ 2.199, a qual a Microsoft chamou de Day One Edition e já está esgotada em várias das lojas.

Além do console, foram anunciados também os preços nacionais do controle sem fio do Xbox One, que custará R$ 259, e o kit Play Charge de baterias recarregáveis, o qual custará R$ 149. Ainda haverá um pacote especial unindo o joystick e o Play Charge por R$ 389.


Brasil Game Show 2013: Confira o que rolou no primeiro dia da feira

Vale lembrar que no Xbox One o periférico de captação de movimentos Kinect não é opcional e já vem na caixa, não sendo vendido separadamente. Em títulos como Dead Rising 3, por exemplo, se uma pessoa fizer barulho na sala em que você estiver jogando os zumbis serão atraídos por esse ruído.

Assim como a Sony, a Microsoft também demonstrou pesado investimento no mercado nacional, trazendo seus principais jogos em português. Foram apresentados no evento títulos como: Ryse: Son of Rome, Forza 5, Dead Rising 3 e Zoo Tycoon. Todos os jogos do Xbox One serão fabricados no Brasil, em Blu-Ray, e serão vendidos por R$ 199.

Brasil adota padrão internacional de classificação etária

O Ministério da Justiça esteve presente na Brasil Game Show para trazer uma importante notícia ao mercado brasileiro. A classificação etária indicativa de jogos para território nacional passou a usar o sistema internacional IARC (International Age Rating Coalition).

Com esse sistema, a burocracia e o prazo mínimo de 30 dias para obter uma licença se tornarão coisa do passado. Com o IARC é possível que uma empresa consiga uma classificação etária para seu jogo em até 5 minutos, em um processo ideal para pequenos desenvolvedores.

Testes de jogos e entrevistas com produtores

A equipe do TechTudo teve a oportunidade de testar alguns dos títulos exibidos nas conferências, além de outros grandes lançamentos que chegam no país em breve. Entre eles, o principal título de lançamento do PlayStation 4, Killzone: Shadow Fall, e o retorno de uma grande série de luta no Xbox One: Killer Instinct.


Brasil Game Show 2013: Confira o que rolou no primeiro dia da feira

Killzone: Shadow Fall traz como principal destaque os visuais de próxima geração fornecidos pelo PlayStation 4. Porém, apesar de tudo parecer muito bonito, basta olhar um pouco mais de perto para ver que há muito espaço para a geração melhorar. O título tem lançamento marcado para 29 de novembro, junto com o PlayStation 4, em português, pelo preço de R$ 179.

Já com Killer Instinct a Microsoft tinha algo diferente para provar: quão bem o novo joystick do Xbox One se porta para jogos de luta. O Xbox 360 recebeu muitas críticas por seu direcional digital não ser adequado para o gênero, mas isso parece ter sido resolvido com o Xbox One, que trouxe um ótimo nível de resposta, como nos joysticks clássicos.


Brasil Game Show 2013: Confira o que rolou no primeiro dia da feira

Entre os produtores presentes na Brasil Game Show estavam Ambre Lizurey, da Ubisoft, que garantiu uma aventura de 50 horas para Assassin"s Creed 4: Black Flag; Gilliard Lopes da Electronic Arts, que deixou no ar a possibilidade de um novo Fifa para a Copa do Mundo; e Tymon Smektala da Techland, que falou como Dying Light é um jogo mais maduro que Dead Island, título anterior da equipe.

Brasil Game Show dobrará de tamanho em 2014

Segundo o criador da Brasil Game Show, Marcelo Tavares, a feira de jogos que já é a maior da América Latina, deverá dobrar de tamanho em 2014. Segundo as estimativas dele, espera-se que no próximo ano o evento conte com 4 pavilhões e um público visitantes de aproximadamente 300 mil pessoas.

Essa meta pode parecer um objetivo muito alto para se alcançar, mas não é difícil imaginar quando consideramos os números de 2012. A Brasil Game Show 2013 dobrou de tamanho em relação ao ano anterior e não há motivo para duvidar que ela não possa fazê-lo de novo.

Fonte: Tech Tudo