Dicas para migrar do XP para o Windows 7

Para instalar o Windows 7 voc6e terá de fazer tudo a partir do zero

Se você é um dos milhões de usuários do Windows XP que resolveram ficar na plataforma e ignorar o Vista, já deve saber que, para instalar o Windows 7, terá de fazer tudo a partir do zero. Tudo mesmo.

Sem uma ferramenta de migração (disponível apenas para quem tem o Vista instalado), o usuário do XP precisa fazer backup dos dados, assegurar-se de ter as versões instaláveis (DVDs e CDs ou arquivos executáveis) e as respectivas chaves de ativação e cópia de todos os drivers de hardware do seu computador.

Feito isso, será necessário formatar o HD e só então instalar o novo sistema operacional. Depois, verificar se todos os drivers estão funcionando (e corrigir o que não estiver). A seguir, instalar os aplicativos - soluções de segurança em primeiro lugar, e atualizar todos eles. Por último, restaurar seus dados pessoais.

Não é um procedimento simples e também não rápido. Além disso, nem todos os computadores aceitam ter o Windows 7 instalado.

As perguntas e respostas abaixo vão ajudá-lo a resolver as dúvidas mais frequentes.

Como saber se o hardware do PC é compatível com o Windows 7?

O aplicativo gratuito Windows 7 Upgrade Advisor faz esse trabalho para você. Ele exige a plataforma .NET Framework 2.0 ou posterior para ser rodado no Windows XP. Execute o aplicativo e clique em Iniciar a Verificação.

A análise dos componentes do computador pode levar alguns minutos, dependendo da configuração. Um relatório será exibido ao final, informando se é necessário adicionar mais memória, procurar por novos drivers e apontando que componentes já estão preparados para o Windows 7.

Note que existem duas abas na parte superior. Uma mostra o relatório para os requisitos da versão de 32 bits do Windows 7 e a outra exibe o relatório para a versão de 64 bits.

Meus aplicativos e dispositivos de hardware são compatíveis com o Windows 7?

Um serviço da Microsoft chamado Windows 7 Compatibility Center oferece uma base de dados na qual se pode pesquisar pelo modelo e marca do componente ou software para descobrir sua compatibilidade com o novo sistema operacional.

Infelizmente, os aplicativos mais sensíveis ao Windows 7 são os relacionados à segurança, principalmente os antivírus. Em caso de incompatibilidade, o usuário deverá obter uma versão (e muito provavelmente terá de pagar por isso) que rode no novo sistema. No site da Microsoft também é possível descobrir que quais os programas antivírus são compatíveis com Windows 7.

Ok; hardware compatível. E agora?

Faça um backup completo (ou uma cópia ISO do seu HD) do seu sistema atual com Windows XP. Ele pode ser útil em duas situações. Se a instalação não der certo, você poderá voltar ao estado anterior. Ou, se não gostar do Windows 7, poderá restaurar o sistema e continuar com o bom e velho Windows XP. Um programa que o ajudará muito é o DriveImage XML.

Como fazer o backup dos dados para usar no novo ambiente?

O DVD do Windows 7 inclui um utilitário de migração do chamado Transferência Fácil do Windows. Ele realiza backup dos arquivos das pastas de documentos, imagens, vídeos, músicas, e-mail e favoritos. Mas você pode optar por outros métodos para salvar seus dados, mas a ferramenta da Microsoft oferece maior controle.

Insira o DVD do Windows 7 e, pelo Windows Explorer, busque pelo programa migsetup.exe. Execute-o, clique no botão Seguinte, escolha a opção Disco rígido ou drive flash USB. Utilize um pendrive para fazer a cópia ou HD externo caso o volume de dados seja muito grande. Em seguida, escolha a opção Este é meu computador antigo. A partir disso, o utilitário vai preparar o backup das pastas padrão de documentos, e-mails, imagens e vídeos.

Ao final da instalação do Windows 7, para restaurar os arquivos digite, na linha de comando: transferência fácil. Agora basta fazer o processo reverso, escolhendo restaurar os arquivos do pendrive ou HD externo.

O Windows irá transferir os arquivos para as respectivas pastas de e-mail, imagens, vídeos e documentos. Os favoritos também serão restaurados no Internet Explorer.

Uso outro cliente de e-mail e meu navegador não é o IE. Como proceder?

O melhor a fazer nesses casos é usar a ajuda dos respectivos programas para fazer o backup. Os mais conhecidos, como o Thunderbird (Mozilla), informa que os arquivos para cópia estão no caminho C:Documents & Settings username Application DataThunderbirdProfiles. Faça o backup e depois copie os arquivos para o mesmo diretório, depois de instalar o Thunderbird no Windows 7.

No caso do navegador Firefox, copie os arquivos do diretório C:Documents and Settings username Application DataMozillaFirefoxProfiles. Depois basta transferí-los para o mesmo diretório no Windows 7, após a reinstalação do navegador. Todos os seus favoritos, Cookies e senhas estão nesse diretório.

O que acontece com os aplicativos que estão instalados no Windows XP?

Nessa parte, a única opção é reinstalar todos os softwares novamente após migrar. Lembre-se que você precisará das chaves de ativação ou números de série para fazer isso. A parte boa desta história é que você poderá fazer uma faxina e se livrar de programas que você não usa mais.

Existe maneira mais fácil de fazer essa migração?

Sim, mas você terá que por a mão no bolso. Pelo software PCMover, desenvolvido pela Laplink, é possível manter os arquivos no PC e instalar o Windows 7.

Instale e execute o software para a realização do backup. Em seguida instale o Windows 7 com a opção customizada, mas sem escolher a opção para formatar. Depois, basta rodar o PCMover novamente para restaurar seus arquivos e programas. O PCMover custa 19,95 dólares e pode ser baixado no site da empresa.

Fonte: PCWorld