Falha no Google Glass liberava controle total dos óculos a hackers

Falha no Google Glass liberava controle total dos óculos a hackers

O método, entretanto, considera um número de fatores para que a falha dê certo ao invasor

Uma empresa americana de pesquisa em segurança, a Lookout, descobriu uma grave vulnerabilidade no Google Glass. Os óculos com funções inteligentes do Google podia, por meio desta falha, ser controlada remotamente por hackers, entregando a localização, imagens e todo o controle do gadget.

Usando um QR code (uma espécie de códigos de barra mais complexo) malicioso, era possível forçar o Glass a se conectar secretamente a um ponto de Wi-Fi, o que permitia ao hacker ver todos os dados que passavam pelo sistema. Essa falha, juntamente com uma vulnerabilidade do Android 4.0.4, causava uma combinação que dava total controle do dispositivo. O Google já solucionou a falha, e por isso a Lookout pode detalhar como ela afetava o sistema.

O método, entretanto, considera um número de fatores para que a falha dê certo ao invasor. Porém, esta descoberta chama atenção para os problemas que o Google terá de enfrentar para que o Glass seja um aparelho seguro aos seus usuários. A privacidade é um dos pontos de maior discussão sobre o produto, que pode filmar, fotografar e gravar áudio com facilidade, e o debate tende a se intensificar com a descoberta de vulnerabilidades como esta.

Fonte: Tech Tudo