Fujitsu e Toshiba anunciam 1º smartphone com Win Phone 7

Aparelho será comercializado apenas no Japão

O primeiro smartphone baseado na versão ?Mango? do Windows Phone 7 foi anunciado nesta quarta-feira em Tóquio. O aparelho é o primeiro de vários que deverão ser anunciados nos próximos meses. Com isso, a Microsoft espera retornar ao status de ?competidor sério? no mercado de smartphones. Soa familiar? Era o que a empresa esperava ao lançar a primeira versão do Windows Phone 7 há um ano atrás. Mas não foi o que aconteceu.

Apesar de angariar vários milhares de aplicativos e reviews geralmente positivos a nova plataforma, que substituiu o Windows Mobile, foi relegada a segundo plano devido a uma onda de novos aparelhos Android e uma nova versão do iPhone, da Apple. Em vez de aumentar, o novo sistema operacional diminui a participação da Microsoft no mercado.



A Microsoft detinha 2.7 porcento do mercado de smartphones no primeiro trimestre de 2011, de acordo com o IDC. Um ano antes, durante o primeiro trimestre de 2010, sua participação no mercado era de 7.1%. Em termos de aparelhos entregues, o número caiu de 3.9 milhões para 2.8 milhões de unidades.

?Fomos de muito pequenos para... MUITO pequenos?, brincou o CEO da Microsoft, Steve Ballmer, no início deste mês ao falar sobre o fraco desempenho de sua empresa.

Mango, ou Windows Phone 7.5, como é conhecido oficialmente, adiciona cerca de 500 melhorias ao sistema operacional, de acordo com a empresa. Entre elas estão um ?modo conversa? no programa de e-mail, que torna mais fácil acompanhar longas discussões, o Internet Explorer 9, para acelerar a navegação web e integração com o sistema de bate-papo do Facebook.

?Mango é uma melhoria substancial, trazendo multitarefa e outros recursos que eram necessários?, disse Al Hiwa, analista do IDC, via e-mail. ?Esta versão ajuda a diminuir a distância em relação aos concorrentes, e em alguns casos ultrapassa o que eles oferecem?.

Algumas destas melhorias podem ser vistas no novo smartphone, o IS12T, que só estará disponível no Japão. Produzido pela Fujitsu Toshiba Mobile Communications, o aparelho deverá estar disponível em Setembro. O preço não foi anunciado.

A empresa é uma das várias parceiras com as quais a Microsoft está trabalhando para produção de aparelhos com Mango. Outras incluem a taiwanesa Acer e a chinesa ZTE, mas talvez os aparelhos mais aguardados sejam os da Nokia. A fabricante Finlandesa declarou no início deste ano seu apoio total ao Windows Phone 7, ao firmar um acordo de colaboração com a Microsoft na produção de futuros aparelhos e desenvolvimento de tecnologia.

A Nokia está perdendo mercado para concorrentes cada vez mais agressivos, mas ainda é um dos maiores fabricantes de smartphones em todo o mundo, e tem o potencial de ajudar a Microsoft a dominar o mercado.

O lançamento do aparelho da Fujitsu ocorreu poucas horas após a Microsoft declarar que o desenvolvimento do sistema estava finalizado e que ele estava pronto para ser instalado em aparelhos para os consumidores. Isto significa que novos aparelhos devem ser adicionados nas próximas semanas.

?Agora tudo depende da diversidade no portfólio de aparelhos que irão surgir?, disse Hilwa. O IDC prevê que smartphones com o sistema operacional Windows Phone serão responsáveis por 20% do mercado em 2015, atrás apenas do Android.

?A Microsoft fará uma escalada rumo ao sucesso e participação no mercado ao longo das próximas versões?, disse o analista. ?Suas chances poderão aumentar significativamente com um lançamento bem-sucedido do Windows 8 em 2012, que criará sinergias entre o PC e o smartphone de novas formas?.

O IS12T tem uma tela de 3.7 polegadas e câmera de 13.2 megapixel. Opera em redes CDMA e traz recursos como interfaces Bluetooth e Wi-Fi. Pesa 113 gramas e tem uma bateria que, segundo sua fabricante, deve ter autonomia de mais de 11 dias em espera e 6 horas de conversação. O aparelho tem 32 GB de memória interna e é resistente a água, com certificação IPX5.

Fonte: UOL