Galaxy S Duos ou Moto G: Duelo dos tops que custam até  R$ 800

Galaxy S Duos ou Moto G: Duelo dos tops que custam até R$ 800

Em dúvida? Veja qual deles escolher.

No comparativo desta semana são destaques os smartphones Galaxy S Duos e o Moto G. Se você está aproveitando as férias para comprar um celular novo, mas não quer gastar muito com isso, vai gostar desta disputa. E o melhor: os dois dispositivos Android custam menos de mil reais e têm boa qualidade. Em dúvida? Veja qual deles escolher.

Desempenho: Moto G

O Moto G, da Motorola, apesar de ser um smartphone de entrada vem com um processador quad-core Corex-A7 de 1,2 GHz e 1 GB de RAM. Essas especificações dão ao aparelho um desempenho superior para essa categoria, podendo ser comparado, inclusive, a smartphones como o Galaxy S4 Mini, que tem o dobro de seu preço.

Já o Galaxy S Duos da Samsung tem hardware que dá conta das tarefas mais comuns. Com um processador Cortex-A5 de 1 GHz e 768 MB de RAM, abrir aplicativos e transitar entre as telas é fluido, porém até um certo ponto. Se você rodar muitos apps e utilizá-los com maior frequência, o aparelho pode começar a travar.

Os dois smartphones são equipados com W-Fi e 3G (sem NFC e 4G) e têm entrada para dois chips. O Galaxy S Duos vem com 4 GB de armazenamento, com slot para cartão microSD de até 32 GB. Já o Moto G é vendido em duas versões: com 8 GB ou 16 GB para guardar arquivos, sem entrada para cartão.

Sistema operacional: Moto G

O Galaxy S Duos vem de fábrica com o Android 4.0 ?Ice Cream Sandwich?, porém atualizável para a versão 4.1 ?Jelly Bean?. Sua interface é a TouchWiz, criada pela Samsung e que equipa todos os seus smartphones, com uma variação ou outra.

Já no Moto G o sistema é o Android 4.3 (Jelly Bean) com atualização já prevista para a versão mais recente do sistema, a 4.4, ?Kit Kat. Entretanto, o melhor do Moto G é que seu sistema operacional é quase ?puro?, sem interferências pesadas da fabricante, tornando seu desempenho mais fluido e sua aparência bem mais agradável.

A Motorola incluiu apenas alguns apps proprietários pré-instalados e que, na verdade, são úteis como o Assist, que ajuda o usuário a mudar configurações do telefone automaticamente conforme agendamentos no calendário ou outras entradas programadas. Isso significa um sistema mais discreto, eficiente e objetivo. Tudo o que um usuário iniciante pode querer.

Câmeras: Moto G

A câmera principal do Moto G não é seu principal atrativo. Na verdade, esse é um dos pontos em que fica visível a economia nos componentes para manter o aparelho com custo baixo. Apesar disso, as fotos tiradas pelo sensor de 5 megapixels, com flash LED e autofoco são razoáveis e satisfazem os usuários menos exigentes. O Moto G também filma em HD (720p) e tem uma câmera frontal de 1,3 megapixels.

Por outro lado, a câmera do Galaxy S Duos ainda consegue ficar atrás. Também com um sensor de 5 megapixels, o smart da Samsung peca na qualidade das imagens apesar de ter praticamente o mesmo hardware do concorrente da Motorola. Além disso, câmera principal grava em VGA, mesma resolução de sua câmera frontal para videochamadas.

Display: Moto G

Outra vez o dispositivo da Motorola vence e por muito. Seu display é um dos seus melhores recursos e conseguiu acompanhar a evolução dos tops de linha. Na tela é oferecida uma resolução HD (720p) em 4,5 polegadas, o que resulta em uma densidade de pixels impressionante de 326 ppi, praticamente igual, por exemplo, ao iPhone 4.

Em contrapartida, o display do Galaxy S Duos tem 4 polegadas e resolução 480 x 800, com uma densidade muito menor de pixels na tela: 233 ppi. Suas cores também são menos fieis e sua visualização contra o sol é bem inferior ao do display do Moto G, que tem excelente desempenho em qualquer condição.

Dimensões: Moto G

O Galaxy S Duos mede 121,5 x 63,1 x 10,5 mm e pesa 120 g, bem compacto e ideal para quem tem mãos pequenas e quer usar o smartphone somente com uma mão. No entanto, o Moto G consegue colocar uma tela maior em um corpo um pouco mais volumoso.

Medindo 129,9 x 65,9 x 11,6 mm, o Moto G é principalmente mais comprido porém seu corpo continua sendo perfeitamente operável com uma mão. Além disso um pouco mais pesado, com 143 g. Se lembrarmos que a tela é único meio de interação com o aparelho, um display meia polegada maior compensa segurar um telefone com dimensões um pouco superiores.

Design: Moto G

A Samsung nunca foi famosa pelo design de seus aparelhos. Fabricando bastante o plástico, acabou deixando uma má impressão quando o assunto é a qualidade de construção dos smarts. O mesmo acontece com o S Duos. Ele é inteiramente em plástico e parece frágil na mão. Sua tampa traseira também é extremamente propensa a arranhões, apesar de ajudar na hora das quedas.

O Moto G, ao contrário, teve explicitamente mais cuidado no design, que lembra muito o seu ?irmão mais velho? Moto X. Há também muito plástico em sua construção, mas utilizado de uma maneira mais inteligente, deixando a traseira mais agradável de se segurar.

Outro ponto a favor do Moto G é a ausência de teclas físicas, à exceção dos botões liga/desliga e volume. Seguindo os padrões recomendados pela Google, os botões são incluídos no software e até escondidos quando possível. Não ter que mudar o nível de pressão dos dedos da tela para um botão físico, como é o caso do ?Home? no S Duos, com certeza ajuda na usabilidade.

Preço e disponibilidade: Moto G

Ambos os aparelhos podem ser encontrados nas lojas de eletrônicos por todo o país, físicas ou na Internet. O Galaxy S Duos tem preço médio de R$ 620, mesmo valor da versão mais barata do Moto G. Porém, o smartphone da Motorola vem com 8 GB de armazenamento, contra 4 GB do S Duos.

Apesar do modelo da Samsung ter entrada para cartão, a adição de um microSD na conta já o deixa mais caro que o Moto G. O celular da Motorola também tem uma versão com mais espaço, 16 GB, que é comercializada com preço médio de R$ 720.

Você acha que a Motorola surpreendeu com o Moto G? Deixe sua opinião no Fórum do TechTudo

Conclusão

Ao analisar os smartphones, é fácil ver a vantagem do Moto G sobre o Galaxy S Duos. A diferença é tanta que nem parece que estamos falando de dois smartphones vendidos pelo mesmo preço, considerando a versão de 8 GB do Moto G, é claro.

Desde o processador, passando pelo software e qualidade na construção, o Moto G consegue oferecer algo realmente bom para consumidores que estão procurando seu primeiro celular inteligente. Aliás, ele consegue apelar até para usuários que vêm de outros aparelhos parecidos no preço, porém inferiores. No final, o placar foi uma ?goleada?: 7 a 0 para o Moto G.


Galaxy S Duos ou Moto G? Veja o comparativo

Galaxy S Duos ou Moto G? Veja o comparativo

Galaxy S Duos ou Moto G? Veja o comparativo

Galaxy S Duos ou Moto G? Veja o comparativo

Galaxy S Duos ou Moto G? Veja o comparativo

Galaxy S Duos ou Moto G? Veja o comparativo

Fonte: tech tudo