Mão robótica criada pelo MIT faz com que pessoas tenham 7 dedos

Mão robótica criada pelo MIT faz com que pessoas tenham 7 dedos

A luva é capaz de medir a posição dos dedos humanos. Depois, um algoritmo controla o funcionamento dos dedos robóticos.

A mão do futuro terá sete dedos se depender dos pesquisadores do MIT (Massachussets Institute of Technology). A equipe de cientistas desenvolveu uma extensão que adiciona dois dedos ao membro, permitindo que as pessoas realizem um número maior de tarefas com o tato.

Um dos estudantes de engenharia mecânica do MIT responsáveis pelo projeto, Faye Wu, explicou o seu funcionamento em um vídeo no YouTube, que pode ser visto mais abaixo. De acordo com a divulgação da universidade, a ideia é atualizar a mão humana para que ela consiga, por exemplo, segurar itens grandes, pesados ou quentes com mais facilidade.

Para isso, basta vestir uma luva. Os dedos robóticos devem funcionar como uma extensão da mão e são bem grandes, maiores e mais longos do que os normais, justamente para permitir uma maior variedade de ações. Lembram os cabos flutuantes usados em câmeras GoPro, por exemplo.

A luva é capaz de medir a posição dos dedos humanos. Depois, um algoritmo controla o funcionamento dos dedos robóticos, posicionando-os conforme os sensores indicam a presença humana. Segundo Wu, para pessoas idosas ou com deficiência, a tecnologia pode ser importante para tornar suas vidas muito mais independentes.

Por enquanto, a mão robótica ainda é um projeto em fase inicial, que parece promissor, mas está longe de se tornar realidade no mercado. Porém, com o seu desenvolvimento seguindo adiante, a tendência é de que ele possa, sim, vir a ser lançado e acabe sendo ótimo para as pessoas que necessitam.

Fonte: techtudo