Nos vinte anos da WWW, criadores relançam o primeiro site da história

A URL já está no ar, e o projeto segue agora em tentar recuperar os equipamentos da época

No dia em que a WWW completa 20 anos, o Cern (sigla em inglês da Organização Europeia de Pesquisa Nuclear), centro que criou a estrutura da World Wide Web, lançou um projeto para recriar o primeiro site da rede. A ideia é preservar o hardware e o software originais usados no nascimento da web. As informações são da BBC.

De acordo com Dan Noyes, gerente de comunicação do Cern, recriar a primeira página de internet do mundo vai permitir às futuras gerações explorar, examinar e pensar sobre como a web está mudando a vida contemporânea. A URL já está no ar, e o projeto segue agora em tentar recuperar os equipamentos da época.

"Quero que meus filhos consigam entender o significado desse ponto no tempo: a web já tão ubíqua - tão, bem, normal - que se corre o risco de não ver o quanto mudou fundamentalmente", afirmou à emissora britânica. "Estamos em um momento único em que ainda conseguimos "religar" para o primeiro servidor da web e experimentá-lo. Queremos documentar e preservar isso", continua.

A expectativa é que a restauração da primeira página da web sirva de lembrete dos e inspiração para os valores fundamentais da rede. Na base da web original está a tecnologia para descentralizar controle e tornar o acesso a informação livremente disponíveis a todos.

"Você pode ter pensado que o primeiro navegador era bem primitivo, mas ele não era. Ele tinha capacidades gráficas. Você podia editar diretamente nele. Era uma coisa maravilhosa. Era algo muito sofisticado", afirma à BBC James Gillies, chefe de comunicação da Cern hoje e que, na época da criação da internet, era um pesquisador iniciante.

Gillies compartilha da ideia de Noyes de que a recriação do primeiro site da web, em um servidor de 20 anos de idade, carregam as ideias originais de universidade e acesso universal desenvolvidas por (Tim) Berners-Lee e compartilhada por entusiastas da época, que acreditavam que a tecnologia ia fazer o mundo um lugar mais igualitário e justo.

Um exemplo dessa abertura é que os usuários podiam editar as páginas que viam diretamente no navegador - algo que atualmente não é mais possível. "Os browsers atuais oferecem experiências maravilhosas, mas quando voltamos (no tempo) e olhamos para os primeiros navegadores, acredito que perdemos algumas das funções que Tim Berners-Lee tinha em mente", opina Noyes.

A WWW foi concebida por Tim Berners-Lee, enquanto trabalhava no Cern, em 1989. O sistema de informação que criava a rede pertencia ao centro de pesquisas, e foi criado para permitir a troca de informações entre físicos ao redor do Implicava em hipertextos e URLs - endereços mais fáceis de lembrar do que os números de IP que correspondem aos locais únicos nos servidores. A codificação dos servidores for tornada pública e gratuita em 30 de abril de 1993, e permitiu que o padrão da internet fosse livre da propriedade de grandes companhias.

O primeiro site, pois, foi sobre o projeto WWW em si, com descrições de como funcionava o sistema, como configurar o próprio servidor e como acessar documentos em máquinas remotas através da internet.

Fonte: Terra, www.terra.com.br