Novo celular aposta no preço e em bateria  que dura 48 dias; veja

Novo celular aposta no preço e em bateria que dura 48 dias; veja

Nokia lança Asha 501 inspirado nos tops e com bateria de até 48 dias

A Nokia apresentou seu novo Asha 501, smartphone de baixo custo com design e novo sistema operacional inspirados nos tops de linhas. Com o visual colorido dos Lumias, o aparelho tem suporte a dois chips, conexão Wi-Fi e uma duração de bateria surpreendente: 48 dias em espera. O preço também promete agradar: US$ 99 (cerca de R$ 200), embora a novidade só deva chegar ao Brasil a partir de julho.

O novo "baratinho" da Nokia tem tela sensível ao toque de 3 polegadas, cartão de memória de 4GB, podendo ser expandido para até 32 GB, câmera traseira de 3,2 megapixels e até 17 horas de ligação sem recarga. O aparelho também conta com integração com redes sociais e aplicativos como Facebook, Twitter, LinkedIn, Foursquare e WhatsApp.

Uma função que chamou a atenção no novo Asha 501 é a "Slam via Bluetooth". O recurso transfere arquivos entre aparelhos com o movimento de aproximação, sem a necessidade de sincronização e outras configurações. Na prática, tudo funciona de maneira semelhante ao aplicativo Bump, disponível para Android e iPhone.

Da mesma maneira que o Asha 310, o novo aparelho da Nokia contará com versões dual-chip e de SIM único. Para realizar a troca de chip não é necessário reinicializar o aparelho. Basta apenas realizar um movimento para baixo a partir do topo e o segundo SIM já estará ativo. O novo Asha 501 peca por não oferecer suporte ao 3G.

Design inspirado nos Lumias

A aparência do novo Asha é um dos seus pontos mais interessantes. Os usuários poderão escolher entre seis opções de cores: vermelho, verde, ciano, amarelo, branco e preto. Assim como os Lumias 620 e 520, as capas traseiras também podem ser substituídas e formar diferentes combinações de cores.

O Asha 501 possui ainda apenas um botão "Voltar" na parte frontal do aparelho. Os demais comandos devem ser dados na tela, exceto ligar/desligar o aparelho e o ajuste de volume, que tem botões físicos nas laterais.

Novo sistema operacional

A nova geração dos Ashas chegam com um sistema bem mais robusto que os modelos anteriores. A interface é simples, intuitiva e conta com duas opções de tela principal: ?Home? e ?Fastlane?. A primeira é mais tradicional e possui ícones de aplicativos e acesso às configurações do telefone, tudo bem pareceido com o já encontrado nos modelos atuais.

Já a Fastlane é voltada para redes sociais, aplicativos e últimos contatos acessados. O usuário pode, inclusive, navegar entre as duas telas deslizando o dedo para direita ou esquerda, de maneira semelhante ao BlackBerry 10 e ao Windows Phone. As notificações podem ser acessadas facilmente. Ao arrastar o dedo para a direita, o aplicativo será aberto.

Outro recurso interessante do Asha 501 é o de tirar o telefone do modo de stand-by. Para desbloquear o aparelho, basta dar dois toques na tela. A Nokia ainda incluiu o navegador Nokia Xpress (presente no Nokia Series 40) e uma ferramenta de mapas que estará disponível a partir do final desse ano.

O novo Asha 501 foi anunciado nesta quinta-feira (9), na Índia, e tem como foco países emergentes, como o Brasil. Apesar disso, ainda não há confirmação de data oficial de lançamento por aqui e nem preço. Segundo a Nokia, o aparelho começará a ser vendido a partir de julho com preço de US$ 99 (cerca de R$ 200).

Fonte: Tech Tudo