Som pode ser maior do que o vídeo na web, diz executivo da Sound

Som pode ser maior do que o vídeo na web, diz executivo da Sound

Vice-presidente da empresa falou sobre o serviço na Campus Party

?O som e a música podem ser maiores e mais fortes do que o vídeo na web?, disse Dave Hayes, vice-presidente de desenvolvimento de negócios do SoundCloud.

Em sua palestra realizada nesta quarta-feira (8) na Campus Party, evento de tecnologia que ocorre até domingo em São Paulo, ele destacou como o serviço de compartilhamento de sons pode ser usado em diversas áreas, substituindo até as mensagens de texto via celular ou no Twitter.

?Já temos 11 milhões de usuários em todo o mundo?, disse Haynes. ?E se engana quem pensa que eles apenas publicam músicas. Há desde sons da cidade até discursos no nosso serviço?. Embora não tenha revelado números referentes ao país em sua apresentação, o executivo disse que o Brasil é um dos países que mais usa o serviço.

O SoundCloud, criado em 2007, permite que o usuário compartilhe sons na internet, com o conteúdo ficando armazenado na nuvem. ?É muito mais rápido falar o que você pensa no momento do que ter que digitar 140 caracteres?, afirmou o executivo, implicando que os usuários não conseguem se manifestar como desejam no Twitter. ?Além do que, o som chama muito mais atenção. Diferentemente do vídeo, você pode escutar uma música e trabalhar ao mesmo tempo?.

Haynes contou que ter o SoundCloud disponível para celulares fez toda a diferença no serviço. ?Em qualquer lugar, as pessoas podem gravar suas músicas, seus pensamentos, os sons de sua cidade pelo celular e publicá-los para seus amigos?, explica. ?Eu mesmo, quando acho interessante, gravo os sons das cidades que visito e compartilho no site?.

Muito além da música

Embora artistas como Britney Spears e Foo Fighters tenham usado o SoundCloud para divulgar novas canções para os fãs, o serviço abrange também políticos, empresas e jornalistas. ?Em vez de escrever longos relatórios, companhias começaram a gravar reuniões e disponibilizar o áudio para os empregados pelo SoundCloud. [O ator norte-americano] Ashton Kutcher, um de nossos financiadores, publica suas poesias por meio do serviço usando sua voz. Amantes da natureza colocaram um acervo de sons de animais?, afirma o executivo.

Haynes apresentou alguns exemplos que mostram como o som pode aproximar políticos de possíveis eleitores e artistas dos seus fãs. A cantora Rihanna, por exemplo, enviou uma mensagem aos fãs brasileiros pelo SoundCloud, anunciando shows realizados em setembro de 2011.

Alguns usuários, explica Haynes, publicam barulhos diversos no SoundCloud. ?O que você imaginar tem lá?. Como é um site de compartilhamento, outros usuários podem usar estes barulhos para criar músicas e usam o serviço para divulga-las. ?Um escapamento de carro, um soco em uma mesa, tudo pode virar música para os usuários da web?, disse.

Fonte: G1