Usuários do novo iPad dizem que aparelho esquenta e trava muito

Usuários afirmam que não conseguem usar o tablet, lançado nos Estados Unidos e em mais 9 países na sexta-feira (16).

O novo iPad apresenta problemas de superaquecimento, segundo relatos de usuários no fórum on-line da Apple e em outros sites. Eles afirmam que, diferentemente dos modelos anteriores, que também ficavam quentes demais durante o uso, a nova versão esquenta demais em um dos cantos ? onde está localizada a nova bateria ? e, nos piores casos, ele desliga sozinho, apresentando uma mensagem de que "precisa esfriar" para que o usuário continue usando o aparelho.



Usuários afirmam que não conseguem usar o tablet, lançado nos Estados Unidos e em mais 9 países na sexta-feira (16), na rua, com luz direta do sol. Quando isso acontece, a tela do aparelho fica toda preta e mensagem de que ele precisa esfriar aparece.

Um dos motivos apontados por especialistas para o superaquecimento é que o novo iPad tem bateria e chip maiores e, com o uso, a tendência é que eles esquentem bastante. Outro motivo para o aparelho esquentar é a falta de um dissipador de calor como um pequeno ventilador, diz o site "Cnet".

Entretanto, modelos anteriores do tablet também esquentavam bastante. Usuários do iPad 2 afirmam que, embora seja raro, chegaram a receber a mensagem de que o aparelho precisava esfriar para continuar o uso.

O "Cnet" consultou funcionários de uma loja da Apple em Los Angeles, que confirmaram que o novo iPad esquenta mais do que as versões anteriores. Até o momento a Apple não se manifestou sobre o problema e não respondeu às reclamações dos usuários em seu fórum.

Tim Cook apresentou a nova versão do iPad no dia 7 de março, que conta com tela de alta definição e internet 4G (quarta geração) e câmera de 5 megapixels. Ainda não há data de lançamento do aparelho no Brasil.

Fonte: G1