Vírus para Skype ganha versão latina e deixa Brasil em alerta

Worm para Skype teve 500 mil cliques em duas horas

O vírus Dorkbot, que infectou milhares de usuários do Skype na Europa nos últimos dias, ganhou uma versão latina, descoberta por analistas da Kaspersky. O worm começou a se espalhar no sábado, pelo serviço de mensagem instantânea do Skype, e em apenas duas horas recebeu 500 mil cliques. Segundo o analista de malware da Kaspersky Lab no Brasil, Fabio Assolini, é questão de tempo para aparecer uma variante brasileira do worm. "Nossos cibercriminosos utilizam muito a engenharia social visando ganhos financeiros. Esse é o típico ataque que vemos por aqui regularmente", afirmou em nota.

O malware, ao ser instalado no computador, rouba dados pessoais e financeiros do usuário, e faz com que ele passe a fazer parte de uma rede zumbi (botnet), podendo ter arquivos sequestrados pelo cibercriminoso, que por sua vez, pedirá até US$ 200 de resgate no prazo de 24 a 48 horas para devolver a informação, foto ou vídeo à vítima.

A versão latina do vírus se espalha por meio da mensagem em espanhol "¿es ésta tu foto de perfil nuevo?¿ (é esta sua nova foto do perfil?), que pode aparecer também em inglês, português ou leto, dependendo da localização da vítima. Ao clicar no link indicado pela mensagem maliciosa, o usuário infectado espalha mensagem para os contatos do Skype, MSN e para todas as redes sociais e IM que tiverem seus logins e senhas salvos no computador automaticamente.

Fonte: Terra, www.terra.com.br