Zapzap, versão brasileira do WhatsApp, já pode ser baixada no Android e roda até no navegador

Zapzap, versão brasileira do WhatsApp, já pode ser baixada no Android e roda até no navegador

O design se assemelha muito ao WhatsApp, assim como seu modo de funcionamento

O Zapzap, ?versão? brasileira do WhatsApp que pode ser usada via smartphone e navegador em qualquer PC, já pode ser baixada por usuários de Android. Mesmo com pouco mais de um mês de vida, o novo app já provoca a curiosidade dos usuários, especialmente por sua semelhança com o popular mensageiro comprado pelo Facebook.

Baseado no código fonte do Telegram, aplicativo russo que ganhou notoriedade quando o WhatsApp foi vendido à empresa de Marck Zuckerberg, o Zapzap oferece os mesmos recursos, incluindo compartilhamento de qualquer tipo de arquivo guardado no telefone ou no computador. Já o WhatsApp se limita a vídeos, fotos, áudio, localização e contato.

O design se assemelha muito ao WhatsApp, assim como seu modo de funcionamento. Inteiramente em português, o app pede também o número de telefone para fornecer o código de ativação, para, então, permitir conversas com os contatos cadastrados na agenda que têm o Zapzap instalado.

Sua interface na web é outro diferencial. Afinal, diferente do WhatsApp, que precisa de alguns hacks para rodar no PC, o mensageiro brasileiro usa a flexibilidade da nuvem do Telegram para sincronizar as mensagens trocadas em qualquer dispositivo. Além disso, o app promete ser ainda mais rápido que a versão russa, oferecendo o mesmo suporte a mensagens criptografadas.

?Estudei o código do Telegram por três meses até que encontrei uma maneira de utilizar a nuvem deles em um outro aplicativo com interface modificada. Depois, consegui deixar o aplicativo mais rápido no desempenho e tempo de resposta?, explica o paraense Erick Costa, que criou e hoje mantém sozinho o Zapzap ? o nome, disse o programador, surgiu naturalmente após o aplicativo ser desenvolvido.

Lançado em 20 de abril, o mensageiro com interface brasileira vem conquistando usuários aos poucos e ainda não chega perto da popularidade do WhatsApp ou do próprio Telegram. São cerca de 65 mil downloads e mais de 20 mil usuários ativos. No entanto, os números já garantiram interesse do mercado.

O desenvolvedor revelou ao TechTudo que já está analisando propostas de possíveis compradores, mas nada que o impeça de continuar melhorando o aplicativo. ?Tenho várias ideias de melhorias para ele, mas estou discutindo com alguns amigos o que deve realmente ser implementado?, conta Erick.

Por enquanto, Zapzap está disponível para smartphones Android, mas versões para iOS e Windows Phone estão a caminho. O app para iPhone deverá ser liberado para download até final de junho, enquanto a variante para a plataforma da Microsoft deverá demorar um pouco mais para sair ? afinal, só há uma pessoa trabalhando no desenvolvimento.

Fonte: Tech Tudo